Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/02/2008 - Gazeta de Piracicaba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Novo golpe com cartão

Por: Antonio Henrique Cocenza


Meus caros e fugazes leitores, após alguns dias de merecido (?) repouso, volto hoje a atormentá-los com minhas elocubrações, só que, para início de conversa, quero deixá-los atentos a mais um golpe aplicado aos portadores de cartões de crédito e recomendo sua leitura atenta e atenção redobrada. Você recebe uma chamada e a pessoa diz:

- "Estamos ligando do Departamento de Segurança da VISA (por exemplo). Meu nome é 'Fulano' e meu número de identificação funcional é 'tal'.. O Sr. comprou 'tal coisa' (qualquer coisa bem estranha, como um 'dispositivo Anti-Telemarketing') no valor de R$ 497,99, de uma empresa em Porto Alegre?

- Provavelmente, seu cartão foi clonado e estamos telefonando para verificar e se isto for confirmado, estaremos emitindo um crédito ao seu favor. Antes de processar o crédito, gostaríamos de confirmar alguns dados: o seu endereço é tal?' ( Isto pode ser encontrado facilmente das listas telefônicas via Internet). Ao você responder que sim, o golpista continua:

- Qualquer pergunta que o Sr. tenha, deverá chamar o número 0-800 que se encontra na parte traseira de seu cartão e falar com nosso Departamento de Segurança. Por favor, anote o seguinte número de protocolo' .... O bandido lhe dá então um número de 6 dígitos e pede:

- O Sr. poderia lê-lo para confirmar?' Aqui vem a parte mais importante da fraude:

- Desculpe, mas temos que nos certificar de que o Sr.. está de posse de seu cartão. Por favor, pegue seu cartão e leia para mim o seu número'. Feito isto, ele continua:

- Correto. Agora vire o seu cartão e leia, por favor, os 3 últimos números (ou 4 dependendo do cartão)'. Estes são os seus 'Números de Segurança' (Pin Number), que você usa para fazer compras via Internet, para provar que está com o cartão ! Depois que você informa os referidos números, ele diz:

- Correto! Entenda que era necessário verificar que o seu cartão não estava perdido nem tinha sido roubado, e que o Sr. estava com ele em seu poder. Isso confirma que o seu cartão foi mesmo clonado, infeliz-mente. O Sr. teria alguma outra pergunta?" Depois que você diz que não, o ladrão agradece e desliga. Provavelmente, em menos de 10 minutos, uma compra via internet será lançada no seu cartão, e muitas outras, caso você não perceba a fraude até a chegada do extrato. Como se proteger desta ação criminal? É quase inútil fazer denuncias à polícia.. Até nos USA é difícil o rastreamento destas ligações.

Caso receba este tipo de ligação, você pode falar para o bandido desligar que você mesmo fará a ligação para o 0800 da sua operadora. Mas, mesmo que você desligue, fica claro que a melhor maneira é estar alerta e comunicar a todo o mundo sobre a existência de mais este golpe. Assim sendo, por favor, passe isto a todos seus amigos. A informação é a nossa proteção !!! Cuidado, os ladrões estão ficando cada vez mais espertos...

E pra não ficar só nisso, e desapontar os que esperam algo de engraçado, aqui vai uma piadinha de bêbado.

Um sujeito chegou num bar por volta das 15 horas, e começou a beber. Mais ou menos às 06:15, começaram a chegar os fregueses, todos trabalhadores da região, que tinham o hábito de tomar umas e outras antes do jantar E ficaram bebendo até 20 horas. Todos se preocupavam com o freguês que ali se encontrava antes dele, aconselhando-a a parar de beber e ir pra casa, Afinal, morava perto, cerca de um quarteirão e meio do boteco.

Lá pelas onze, todos já haviam saído e o dono pediu ao cliente renitente que fosse embora, pois era hora de fechar. Ele se levantou, tomou um tombo, e dirigiu-se à porta. Antes de lá chegar, levou mais dois tombos. Com sacrifício, abriu a porta e antes de ganhar a rua, tomou outro. Atravessou a rua, tomando mais uns três tombos a caminho de sua casa, levando outros tantos, e, com o muito sacrifício, abriu a porta, tomou outro tombo, que se repetiu por duas vezes até chegar ao quarto de dormir. Deitou-se e dormiu. Na manhã seguinte, a mulher deu-lhe uma bronca:

- Bonito, hein? Chegar tarde e bêbado!...

- Mas eu não bebi...

- Não, bebeu tanto que esqueceu a cadeira de rodas no bar...


Antonio Henrique Cocenza é professor e advogado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 504 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal