Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

22/02/2008 - Rondonoticias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Apreensão: Polícia Ambiental detecta esquema fraudulento no transporte de madeira


Na tarde dessa quinta-feira(21), foi apreendido pela Polícia Militar Ambiental de Rondônia, um caminhão Rodotrem, placas KAU 7774, Paranaitá/MT, por transportar irregularmente, aproximadamente 44m³ de madeira serrada, essências florestais Massaranduba e Catuaba, com informações fraudulentas. Os documentos apresentados eram da Madeireira Scheffer, localizada em Vista Alegre do Abunã, com destino para a Madeireira Chaparral, no município de Xerém, na cidade do Rio de Janeiro.

A fraude somente foi descoberta, após o proprietário da madeireira Chaparral o empresário Luiz Carlos Demoner constatar junto ao Ibama, que havia informações de três cargas de madeira compradas em nome de sua empresa. Preocupado com a situação, Demoner registrou duas ocorrências, sendo uma na 61ª Delegacia de Polícia Civil do Rio de Janeiro e outra na Polícia Federal, por estelionato.

Em seguida, o empresário fez contato via telefone com o Posto Fiscal da Sefin, localizada na BR-364, em Candeias do Jamari e narrou o fato, o que foi comprovado pela guarnição da Polícia Militar Ambiental, comandada pelo sargento Max Arnolfo Flores da Fonseca, com apoio dos PMs Izaias da Silva Lima, Miguel Vergotti e Maria de Fátima da Silva. O motorista do caminhão, Joaquim Rodrigues do Nascimento foi detido e conduzido para a Central de Polícia. Ainda na Polícia Ambiental, Joaquim disse que não sabia para onde deveria ir com a carga e nem a quem pertencia e que já haviam passado duas cargas e não tiveram problemas, inclusive uma saindo do Pará em nome do mesmo empresário do Rio de Janeiro.

De acordo com o comandante do Batalhão Ambiental, major Josenildo Jacinto do Nascimento, essa apreensão, que somente foi possível devido à denúncia da vítima, haja vista não ter sido detectado nenhum tipo de irregularidade, aparentemente, na documentação apresentada pelo condutor do veículo, pode acabar com o esquema fraudulento, que visa tão somente lesar os cofres públicos do Estado de Rondônia.

O motorista foi enquadrado no Artigo 299 do Código Penal Brasileiro, por falsidade ideológica, estelionato e transporte irregular de madeira de acordo com o Artigo 46, § único da Lei 9605. Após a apreensão, o veículo e a carga ficaram depositados no pátio do Batalhão Ambiental, aguardando as providências da justiça. A multa foi estipulada em R$ 181.128,81.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 411 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal