Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

19/02/2008 - Campo Grande News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Mulher é alvo do "golpe do falso seqüestro" no Lageado

Por: Humberto Marques


Uma mulher de 38 anos foi alvo de bandidos que tentaram lhe aplicar o “golpe do falso seqüestro” na tarde de hoje, em Campo Grande. O fato ocorreu no local de trabalho da vítima, no Parque do Lageado. Segundo informações prestadas às autoridades policiais, a mulher recebeu uma ligação em seu celular por volta das 14h30, e, ao atender, ouviu uma voz de criança que gritava chamando a mãe. A voz, conforme relato da vítima, parecia com a de seu sobrinho. No momento em que chamou pelo nome da criança, a voz ao celular mudou, começando as ameaças.

O autor disse que, a partir daquele momento, a vítima estaria “sob o comando do bandido”, afirmando que ele estava com o sobrinho e, caso não fossem depositado R$ 5 mil em uma conta, a criança seria morta. O criminoso também perguntou o banco em que a mulher tinha conta. Esta, por sua vez, afirmou que iria imediatamente atrás dos valores, mas que teria de sair da escola.

A vítima recebeu orientação para não desligar o celular, além de ser questionada sobre como iria ao banco e a placa do seu veículo. Em seguida, a ligação caiu. Logo após, outros telefones foram feitos, mas a ligação não era completada. A vítima, então, entrou em contato com o irmão e, após alguns minutos, recebeu a informação de que seu sobrinho estava em casa e bem. A mulher procurou o 5º Distrito Policial para relatar o fato. O telefone usado para a ligação tinha o prefixo 21 (Rio de Janeiro).

O golpe do “falso seqüestro” é feito por telefone, onde os autores afirmam estar com um parente da vítima, que será morto caso não seja depositada determinada quantia em contas bancárias ou remetidos valores em cartões telefônicos. A orientação nessas horas é que a polícia sempre seja acionada, e que as exigências dos “seqüestradores” não sejam atendidas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 224 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal