Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

13/02/2008 - B2B Magazine Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cresce número de worms que roubam dados


Este ano começou com uma informação alarmante: além dos Trojans, o uso de worms para roubar dados confidenciais dos usuários tem aumentado. Segundo dados coletados pela solução anti-malware Panda ActiveScan, enquanto os Trojans causaram 24.41% das infecções, os worms contabilizaram 15.01%. Estes dados contrastam com os de 2007, em que os ataques causados por worms foram responsáveis por menos de 10% das infecções.

Segundo o PandaLabs, laboratório de análise e detecção de malware da Panda Security, isto se deve à atividade crescente de worms tipo Nuwar, também conhecidos como Storm. Os worms de computador podem se propagar por si mesmos rapidamente. Entretanto, ao contrário daqueles que causaram epidemias com grande cobertura da mídia, eles não procuram causar um colapso no tráfego de dados ou danificar computadores. Ao invés disto, seu objetivo é roubar dados confidenciais para fraudes on-line ou crimes de roubo de identidade.

Para isto, estes worms geralmente chegam em mensagens que usam técnicas de engenharia social que fazem referência a casos atuais. Também incluem links redirecionados para páginas que foram modificadas para automaticamente instalar outro malware que rouba os dados, ou para páginas falsas semelhantes àquelas usadas para ataques phishing.

Outros tipos de malware que causaram danos em Janeiro foram: adware (21.21%), Trojans backdoor (4.03%), spyware (3.13%) e bots (2.65%).

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 298 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal