Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/02/2008 - Achei USA Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polêmica lei de roubo de identidade


Um novo projeto de lei para combater o crescente roubo de identidade em Utah representa um ataque aos imigrantes porque deixa entrever que só “os indocumentados cometem este tipo de crimes”, segundo um dirigente latino.

Tony Yapias, presidente do Projeto Latino de Utah, disse que a possível criação da Unidade contra Fraude de Documentos e Roubo de Identidade, que dependeria do procurador geral da Justiça deste estado, “é um ataque aos imigrantes indocumentados”.

A proposta, conhecida como HB08-95 já aprovada em um comitê da Câmara de Deputados de Utah, destinará U$275 mil para a contratação de três empregados para a nova unidade, que terá de processar até 300 mil denúncias anuais de roubo de identidade. Os novos empregados se somarão ao advogado e aos dois investigadores com os quais conta agora a procuradoria geral da justiça de Utah, para casos de roubo de identidade.

Poderes extraordinários

Por sua vez, a nova unidade terá a autoridade de “investigar, prender e apresentar cargos contra pessoas e entidades envolvidas com o roubo de identidade ou fraude de identidade”.

Mas, para Yapias, por esta proposta “se concentrar apenas nos imigrantes indocumentados e só em roubos de número de seguro social não resolverá o problema, pois a solução deveria ser administrada a nível federal”.

Yapias comentou que se o governador ou o procurador de justiça acreditassem que o roubo de identidade era um problema importante, “então eles teriam pedido que fosse aumentado o orçamento”.

Já a deputada estatal Karen Morgan, democrata de Salt Lake City e autora da proposta, sustentou que “esta medida não ataca a nenhum grupo de pessoas”. Ela acrescentou que, de acordo com a informação do do procurador de justiça, 90 por cento dos casos de roubo de identidade envolvem somente o número de seguro social. Além disto, disse a legisladora, na maioria destes casos se trata do roubo da identidade de um menor de idade, cujo número de seguro social é usado imediatamente para procurar emprego.

Verificações de identidade

A iniciativa de Morgan se baseia nas conclusões do Comitê de Empresas e Trabalho da Legislatura de Utah, divulgado em julho passado, que analisou o problema da verificação de documentos de potenciais empregados, assim como a diferença entre empregados e contratistas independentes.

Todavia, para Yapias, este projeto de lei é “outro exemplo de intimidação imigratória”, devido ao potencial impacto negativo que esta lei, se for aprovada, poderá ter até mesmo para aqueles imigrantes que possuem seus documentos em ordem.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 292 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal