Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

01/02/2008 - O Globo Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Funcionários de abatedouro denunciam excesso de água em frango


RIO - O ministério da Agricultura fechou duas unidades do abatedouro Frango Forte Produtos Avícolas Ltda., cidades do interior paulista de Conchas e Monte Alegre do Sul, depois que funcionários denunciaram que a empresa estava injetando água além do permitido por lei para que a ave pesasse mais para a venda ao consumidor. A legislação permite frangos temperados tenham até 20% de água em seu peso.

A decisão de suspender a comercialização foi uma medida cautelar em defesa do consumidor. Documentos levantados pelo ministério mostram que havia casos que 51,6% do peso do frango oferecido aos consumidores pelo Frango Forte eram de água. Desde de 2004, o ministério já autuou 104 abatedouros no país que cometeram a mesma irregularidade.

A Frango Forte já havia apresentado, em outros anos, problemas dessa natureza na sua linha de produção e, por isso, está submetida agora ao regime especial de fiscalização. Para que o abatedouro volte a comercializar seus produtos, é necessária, entre outras medidas, a revisão de todos os programas de autocontrole e registros dos monitoramentos realizados nos últimos dois meses.

Fiscais federais agropecuários coletaram amostras para análise. Caso seja constatada a fraude, a Frango Forte poderá ser autuada, multada e o processo será encaminhado ao Ministério Público, onde os proprietários da empresa responderão civil e criminalmente pela fraude.

O que diz a lei

O percentual máximo permitido de água que as aves in natura comercializadas podem absorver durante o processo de resfriamento é de 6%. No caso de carne temperada, além dos 6% absorvidos, o abatedouro pode adicionar até 20% de salmoura (água com tempero) em frangos e 25% em perus.

Em caso de desconformidade, os consumidores podem denunciar o fabricante para a ouvidoria do ministério, pelo telefone 0800 704 1995.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 332 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal