Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/01/2008 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia prende falso ginecologista que atuou por dez anos no Rio


Após denúncia anônima, policiais da 59ª Delegacia de Polícia, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, prenderam em flagrante o professor de contabilidade Sérgio Luiz Pinto Magaldi, 57, que exerceu ilegalmente a profissão de ginecologista nos últimos dez anos. Ele foi detido, na sexta-feira (25), no Centro Médico de Caxias, onde clinicava há sete meses.

Uma vítima de 18 anos contou ao titular da 59ª DP, delegado Fábio Pacífico, que fora atendida pelo falso médico em uma clínica no município de Imbariê, quando tinha oito anos de idade. Ela também revelou que sua mãe era paciente do médico.

O criminoso atendia, em média, 30 mulheres por dia, e cobrava R$ 20 por consulta, mesmo valor cobrado pelo atestado de saúde ocupacional, que habilita o paciente a exercer determinada função.

Os policiais verificaram junto ao cadastro profissional do Cremerj (Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro) que as assinaturas dos dois médicos que constavam nos atestados, a de Magaldi e a de Malcon Torres Valadares, eram falsas. A cauterização ginecológica era feita no valor de R$ 100.

O falso ginecologista foi autuado por falsidade ideológica, atentado ao pudor mediante fraude e exercício irregular da medicina. Ele foi encaminhado para o Presídio Petrolino de Oliveira, em Bangu, onde ficará à disposição da Justiça.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 211 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal