Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

18/01/2008 - ansalatina Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresas perdem US$ 900 Milhões por fraudes no México


CIDADE DO MÉXICO, 18 JAN (ANSA) - As empresas mexicanas perderam pelo menos US$ 900 milhões no ano passado, devido a rombos causados pelos próprios funcionários ou executivos das companhias.
Segundo a "Investigação sobre Fraudes e Corrupção no México 2008" (estudo levantado pela empresa de consultoria KPMG), em 25% dos casos o montante desfalcado é superior a US$ 90 mil, e em 10% das vezes a cifra chega a superar os US$ 450 mil.
Arturo Del Castillo, especialista que participou do estudo, disse que estas fraudes não só provocam danos financeiros, mas também afetam aspectos como "a imagem corporativa, o clima de trabalho ou a confiança dos investidores".
"[Os rombos provocam] um incremento nos custos de operação, perde de confiança entre os empregados, desordem organizacional, fuga de clientes e de contratos, entre outras coisas", afirma Del Castillo.
O estudo demonstra que 90% das fraudes podem ser descobertas até seis meses depois de cometidas, apesar de que, na metade dos casos, havia sinais claros de irregularidade. Segundo o especialista, trata-se de uma "falta de cultura de prevenção e eficácia nos controles internos".
A todo esse contexto soma-se também o fato de que, no México, somente quatro de cada dez fraudes detectadas são denunciadas às autoridades. Del Castillo afirma que isso acontece, geralmente, devido ao temor de manchar o prestígio da empresa em questão, ou devido à descrença no esclarecimento e punição das fraudes.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 280 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal