Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

16/05/2006 - Agência Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Instituto da ONU para Prevenção do Delito recomenda combate à corrupção em presídios

Por: Mylena Fiori


Brasília - O governo do estado de São Paulo deveria ter usado as informações que detinha sobre a possibilidade de ataques criminosos. A opinião é de Guaraci Minguardi, coordenador científico do Instituto Latino Americano das Nações Unidas para Prevenção do Delito (Ilanud).

Em entrevista à Rádio Nacional, ele afirmou hoje (16) que "era razoavelmente previsível, todos sabiam que ia acontecer algo e novamente nossa segurança pública foi pega desprevenida – tem que ter a informação e saber utilizá-la".

Como forma de prevenir ataques como os ocorridos desde sexta-feira (12) em São Paulo, Minguardi defendeu uma atuação mais eficiente do poder público no combate à corrupção no sistema penitenciário. "Se tem que fazer uma depuração em determinados setores, tem que ser rígido, tem que ter uma velocidade maior para demitir pessoas acusadas de corrupção", avaliou.

E complementou: "Corrupção é inevitável no sistema penitenciário. Quando um ato de corrupção de um agente penitenciário ameaça a vida dele e de seus colegas, isso é grave e mostra que a situação chegou muito longe".

Minguardi condenou, no entanto, ações mais duras como o chamado "massacre do Carandiru", que resultou na morte de 111 detentos: "Exceder o limite da lei não só é errado na questão filosófica, mas também pela questão tática. É dar munição para o inimigo. Se não tivessem ocorrido 111 mortes no Carandiru, muita gente teria apoiado posições mais firmes do Estado nos anos que se seguiram. Mas boa parte da população ficou contra e as ações da polícia nos anos subseqüentes foram tímidas. Além disso, provocou uma reação – o PCC [facção criminosa a quem são atribuídos os ataques ocorridos nos últimos dias em São Paulo] nasceu, em parte, como uma resposta para o Carandiru".

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 426 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal