Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

15/01/2008 - Sol Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Novo vírus esconde-se no Windows e rouba dados de contas bancárias


Vários especialistas em segurança informática estão preocupados com um novo vírus que se esconde no sistema operativo Windows para roubar os dados de login das contas bancárias dos utilizadores. Só no mês passado foram afectadas cerca de cinco mil pessoas, na sua maioria localizadas na Europa.

De acordo com a BBC este vírus, do tipo rootkit, atrai os utilizadores para sites falsos para depois explorar vulnerabilidades do browser da Microsoft para instalar um código malicioso no seu PC.

Este esconde-se depois em áreas do sistema operativo mais escondidas para evitar ser localizado.

Depois de chegar a um computador este programa tenta apagar o Master Boot Record (MBR), uma parte do disco rígido onde o computador vai à procura de informação relativa ao sistema operativo utilizado.

«Se conseguir controlar o MBR, é possível controlar o sistema operativo e depois o próprio computador», realça o especialista Elia Florio num blogue da Symantec.

Depois de ter conseguido realizar esta tarefa o vírus, que a empresa está a denominar «Mebroot», descarrega para a máquina infectada outros programas maliciosos que depois vão ser utilizados para roubar dados pessoais.

Uma grande parte deste malware fica adormecido até que o utilizador introduza dados em sistemas bancários que funcionam na Internet para os passar aos cibercriminosos.

A responsabilidade deste novo vírus está a ser atribuída a um grupo de hackers russo especializado no roubo de dados bancários, responsável por um outro tipo de vírus que poderá estar instalado em mais de 200 mil computadores.

A descoberta do «Mebroot» foi feita em Outubro, mas a sua actividade começou a ganhar força em Dezembro.

Entre 12 de Dezembro e 7 de Janeiro o «Mebroot» poderá ter sido instalado em mais de cinco mil computadores, refere a BBC.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 316 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal