Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

18/12/2007 - TV Canal 13 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpe do sorteio de motos fatura até 10 milhões


A Polícia Civil abriu vários inquéritos para investigar um golpe que pode alcançar a cifra de R$ 10 milhões. Em pelo menos nove cidades do Interior cearense, centenas de pessoas - a maioria agricultores, operários, autônomos e até estudantes - foram enganadas ao pagarem um consócio fraudulento para a compra de motocicletas. Somente em Ipueiras (a 304 km de Fortaleza) são 614 pessoas lesadas.

A fraude, segundo apontam as investigações policiais, foi praticada por uma rede de lojas intitulada ‘Eletromotos’, que pertenceria ao comerciante Francisco de Assis Leitão. Depois de captar centenas de clientes para a aquisição de motocicletas de modelos populares, a empresa iniciou o golpe com o fechamento repentino das lojas, deixando as vítimas com prejuízos de valores diversos. Quitaram o ‘consórcio’ e não receberam o bem.

“Há inquéritos instaurados em diversas delegacias regionais. Estamos acompanhando o desenrolar das investigações e dando o apoio necessário”, disse ao Diário do Nordeste o delegado Andrade Júnior, titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF).

Segundo levantamentos da Polícia, o golpe se estendeu pelas seguintes cidades: Ipu, Ipueiras, Nova Russas, São Benedito, Hidrolândia, Reriutaba, Guaraciaba do Norte, Boa Viagem e Crateús.

As investigações revelam que o consórcio fraudulento funcionava da seguinte forma: eram formados vários grupos com 48 pessoas cada um deles. Cada participante pagava as suas parcelas e quando fosse sorteada, teria que ser substituída por outra. O sorteado deixava de pagar as parcelas.

Para ganhar a confiança da população das nove cidades, a empresa chegou a entregar algumas motocicletas, estimulando a captação de novos ‘consorciados’. Rapidamente, as vendas se espalharam, causando mais vítimas do golpe.

Em algumas cidades, a Polícia já deteve funcionários das lojas, mas o dono está foragido. Uma das primeiras lojas a fechar as portas foi a de Crateús. Outras fecharam em seguida.

As investigações poderão se estender para outros Municípios cearenses, pois há notícias que o golpe estaria sendo aplicado em outras cidades. Entre elas, algumas localizadas no Maciço de Baturité e na Região do Vale do Jaguaribe.

A Polícia não descarta a hipótese de reunir todos os inquéritos em um só. Outra medida também não descartada é a possibilidade de decretação da prisão preventiva do dono da rede de lojas.

DINHEIRO
Só em Ipueiras, a fraude deixou 614 pessoas com prejuízos

Em Ipueiras, o golpe foi denunciado até pela Câmara Municipal. Segundo levantamentos das autoridades, a ‘Eletromotos’ teria deixado 614 pessoas prejudicadas com o ‘consórcio’ fraudulento. O dono da empresa teria lucrado cerca de R$ 2 milhões. “Esse é um valor parcial. Mas a estimativa é que sejam mais de duas mil pessoas prejudicadas com o consórcio da loja”, conta o promotor cultural, Francisco Alves de Oliveira. Segundo ele, o montante arrecadado pelo empresário no consórcio pode ser superior a R$ 30 milhões.

“Já tinha-se a idéia de que o consórcio era considerado irregular. Mas a certeza só veio à tona quando uma das lojas filiais do empresário, localizada em Crateús, fechou. Depois disso, ele fez o mesmo com as outras lojas. Fechou e não deu explicação aos clientes.”

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 523 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal