Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

28/09/2017 - UOL Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estreia de CNH digital é adiada para outubro; Goiás será 1º a ter sistema


Para quem aguardava ansioso(a) o lançamento da CNH-e (Carteira de Habilitação Eletrônica), será preciso um pouquinho mais de paciência. O aplicativo, previsto para começar a funcionar neste sábado (30), só deve ser disponibilizado para os motoristas na primeira quinzena do próximo mês.

Segundo o Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados), a nova previsão é de que o recurso seja apresentado entre os dias 3 e 15 de outubro. O adiamento ocorreu para que o Ministério das Cidades e o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) pudessem adequar suas agendas para o lançamento do aplicativo, informou o órgão.

O Estado "eleito" para começar a implantar o documento virtual, que poderá ser usado no lugar da Carteira de Habilitação em papel, será Goiás.

De acordo com o Serpro, ele foi um dos primeiros a demonstrar interesse na implantação e o Detran-GO (Departamento Estadual de Trânsito) já cuidou dos trâmites para que os sistemas funcionem corretamente.

O órgão informou também que ainda não há uma definição de cronograma para a implantação da CNH digital em outros estados e ressaltou que o processo será gradual.

Até fevereiro de 2018 todos os Detrans devem ter regularizado seus sistemas para funcionarem com a CNH digital, ressaltou o Serpro.

E como funcionará?

Segundo o Conatran (Conselho Nacional de Trânsito), o documento virtual terá o mesmo valor jurídico que o impresso. Ele poderá ser acessado por meio do aplicativo da CNH e funcionará nas plataformas Android e iOS, da Apple.

A CNH-e será opcional e caberá ao condutor escolher se quer utilizar o aplicativo ou não. O usuário poderá fazê-la pelo smartphone, se tiver certificado digital, ou no Detran de seu Estado.

O app armazenará todas as informações do documento original, como foto e dados do motorista. Será possível ainda compartilhar o documento automaticamente para e-mail ou WhatsApp.

A carteira digital será disponibilizada apenas a motoristas que tenham uma habilitação impressa com QR Code (código escaneável). A tecnologia foi implantada em maio deste ano com o objetivo de aumentar a segurança.

Se ficou curioso(a) e quer detalhes de como o aplicativo vai funcionar, acesse o site do Serpro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 106 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal