Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

19/12/2016 - Porto Canal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Burlas informáticas estão a aumentar muito em Portugal


As extorsões e as burlas na Internet, muitas vezes de cariz sexual, representam um crescimento significativo no cenário informático português. Contudo, quase todas as formas de crimes principalmente violentos têm diminuído, de acordo com os dados de um relatório das forças de segurança portuguesas divulgado esta segunda-feira no Diário de Notícias.

O cenário criminal está a diminuir em Portugal, isto porque nos primeiros noves meses de 2016 houve menos de 6,5% de participações criminais e menos 10,5% de queixas por crimes violentos, do que no ano anterior.

De acordo com um relatório das Forças de Segurança portuguesas, requesitado, esta segunda-feira, pelo Diário de Notícias, as extorsões e as burlas informáticas são os crimes que mais aumentaram e por isso contrariam a tendência da descida da criminalidade violenta. As chantagens informáticas sobretudo de cariz sexual aumentaram 70% entre o mês de janeiro e de setembro, enquanto que as burlas tiveram um crescimento de 20%, o que significa menos de 1.200 participações do que nos meses do ano passado.

De referir que, as queixas-crime relativas a burlas fora do cenário informático aumentaram 11% nos primeiros nove meses deste ano, o que também se verifica com os furtos de oportunidade, (aumento de 14%). Já os assaltos a farmácias, roubos por esticão, assaltos a casas e viaturas e raptos e sequestros, estão em queda a nível nacional.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 176 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal