Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

19/04/2016 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Brasileiro suspeito de aplicar golpes de R$ 20 milhões é preso nos EUA


A polícia americana prendeu, na manhã da última quinta-feira (14), um brasileiro suspeito de aplicar golpes financeiros no valor de R$ 20 milhões no Rio. Rafael Miranda Caram, 32, foi preso em Orlando, Flórida. Segundo nota da Polícia Civil do Rio, Caram é acusado de aplicar golpes em pelo menos 50 vítimas.

Ele teria fugido para os Estados Unidos em 2015, quando foi emitido mandado de prisão por estelionato e associação criminosa.

Caram é suspeito de usar sua rede de amigos e conhecidos para atrair dinheiro para supostos fundos de investimento e negócios inexistentes. Inicialmente, ele teria pago os primeiros investidores, mas quando o volume de interessados cresceu, e, consequentemente, os valores a serem aplicados, ele deixou de pagar os investidores.

O modelo mais comum desse tipo de golpe é conhecido como pirâmide. Um arrecadador consegue fundos para serem investidos com promessa de retorno acima do mercado. O dinheiro usado para pagar os rendimentos dos primeiros participantes vem da aplicação dos participantes seguintes. Como nunca será possível garantir os rendimentos prometidos a todos, a pirâmide em algum momento quebra. Quem investiu por último leva o calote.

Caram foi morar nos Estados Unidos. Inicialmente, passou despercebido. Sua presença foi questionada pelas autoridades americanas quando o suspeito casou-se nos EUA com intuito de conseguir o visto permanente no país.

O problema era que ele já era casado no Brasil, o que levou à abertura de investigação e ao pedido de anulação de seu casamento no exterior. Sua autorização para permanecer nos EUA foi cassada e Caram passou ter status de ilegal.

O suspeito foi localizado e preso pelas autoridades locais. A Polícia Civil do Rio aguarda sua deportação. A reportagem não conseguiu contato com a defesa de Caram.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 326 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal