Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

21/02/2014 - Extra Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

FRAUDE: empresas vendem água comum como se fosse mineral

Sindágua/AL denuncia no MP empresas que desrespeitam parâmetros na composição da água mineral.

O Sindicato das Indústrias de Engarrafamentos de Água Mineral do Estado de Alagoas (Sindaguá/AL) denunciou no Ministério Público Estadual quatro fabricantes de “água mineral” de Alagoas por estarem descumprindo os parâmetros de quantidade de sais recomendadas pelo Ministério da Saúde.

A água disponibilizada para população pelas empresas Lindoya, Naturallis, Cristalina Plus e Real do Vale estão com os níveis insuficientes de bicarbonato de sódio. O Sindaguá/AL realizou inúmeras análises químicas em diversas marcas que aferiu que o bicarbonato de sódio é menor que os 30mg/L nas quatro empresas citadas.

Segundo o documento protocolado no Ministério Público Estadual, a Lindoya possui 5,00 mg/L, Naturallis 8,50 mg/L, Cristalina Plus 8,00 mg/L e Real do Vale 9,00 mg/L.

Para o Sindaguá/AL “tal fato implica em evidente lesão ao consumidor, que é induzido a erro ao imaginar estar adquirindo um produto adicionado de sais, posto que no rótulo do produto consta essa informação, quando, na verdade, não está, haja vista somente se considerar como tal aquelas águas adicionadas de no mínimo 30 mg/L do (s) sal (sais) adicionado (s)”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 191 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal