Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

09/02/2014 - Jornal Dia a Dia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário que usa moedas para dar golpe no comércio em MS pode estar em Água Clara

Por: Aurora Villalba


O estelionatário que vinha agindo trocando moedas em Coxim, já aprontou em Ribas do Rio Pardo e pode estar tentando aplicar o golpe em Água Clara.

No golpe, o sujeito chega ao estabelecimento comercial, geralmente em supermercados, pela maior necessidade de dinheiro trocado e oferece uma grande quantia em moedas para trocar. Sempre acima de R$ 2 mil. Além disso, o sujeito, a bem da verdade muito comunicativo, diz que trabalha em alguma empresa da cidade. Como o volume em moedas é muito grande, os comerciantes deixam para conferir depois e acabam descobrindo tarde que foram vítima de um golpista.

Foi o que aconteceu em um supermercado naquela cidade, onde o empresário João Mardegan, relatou o ocorrido. “O rapaz chegou por volta das 13h procurando uma funcionária nossa, dizendo que sempre deixava moeda com ela, no caso de hoje, R$ 2.300 e que se faltasse ele ligava pra ela, pois tinha o telefone”, contou João.

Usando da boa fé, é claro que o empresário não desconfiou do golpista por ele ter demonstrado “intimidade”, sabendo o nome da funcionária e ter falando com fluência, além de boa aparência e o volume de dinheiro apresentado ter peso significativo. Com isso, João fez o pagamento ao golpista que informou trabalhar em um posto de combustíveis da cidade. Quando foi conferir o valor mais tarde, descobriu o estelionato.

Esse não foi o primeiro caso registrado contra o golpista na cidade. Outra vítima do criminoso foi o caixa de uma loja. Ele relatou no boletim de ocorrências, que na loja, o autor do crime se apresentou como “Carlos” e que era funcionário de um posto de combustível. Na ocasião, ele disse que tinha moedas para trocar e pela necessidade do comércio, a proposta foi aceita, mas sem a devida conferência do valor. O caixa então repassou o valor de R$ 2.500,ao estelionatário. O caixa da loja quando foi contar as moedas, descobriu que havia caído no conto, uma vez que as mesmas totalizaram apenas R$ 420. Tarde demais.

Em Água Clara ainda não ouve relatos que o estelionatário tenha "passado a perna" em algum comércio, entretanto, a proprietária do "Buteko da Xucra", Simone Oliveira, disse a nossa reportagem que reconheceu o indivíduo e que ele passou pelo seu estabelecimento. "Ele veio até o meu bar querendo trocar dinheiro em papel por moedas, me passou R$9,00 em notas e eu dei a ele R$8,45 em moedas. Achei estranho, pois geralmente as pessoas procuram trocar por moedas de 0.25, 0,50 ou 1,00 e ele me pediu apenas moedas de 0,05 e 0,10 centavos", disse Simone.

A proprietária do "Buteko da Xucra" suspeita que o estelionatário tenha trocado as moedas para aplicar o golpe em Água Clara, portanto, os comerciantes devem ficar atentos se algum indivíduo chegar em sua empresa querendo trocar moedas por dinheiro em papel. Não esqueça antes de conferir se o valor das moedas é o mesmo que o indivíduo lhe passar.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 193 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal