Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

30/01/2014 - Itnet Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-vereador de Capela é preso por estelionato

Nilton Melo recebeu vantagem ilícita de um órgão público.

Na tarde desta quarta-feira, 29, policiais civis da Delegacia Regional da cidade de Capela, sob coordenação do delegado Cledson Ferreira, cumpriram mandado de prisão em desfavor do ex-vereador do município Nilton Melo, 57 anos.

Segundo o delegado Cledson Ferreira, o ex-vereador foi preso pelo crime de estelionato qualificado por ter recebido vantagem ilícita de um órgão público. "Em virtude de ter contratado um funcionário da prefeitura de Capela durante o período de junho de 1998 a novembro de 2000, e de ter recebido o salário correspondente ao cargo em comissão, Nilton foi condenado pela prática do crime de estelionato, causando prejuízo aos cofres públicos, conforme art. 171 do Código Penal", afirmou.

Nilton possui residência fixa na cidade de Capela, estava morando em uma casa alugada em Alagoas quando foi surpreendido pelo mandado expedido pelo Tribunal de Justiça de Sergipe. "Na semana passada nós recebemos a informação de que Nilton estava morando em uma casa alugada na cidade alagoana de Coruripe. Realizamos um levantamento e no último sábado, 24, confirmamos que ele estava morando na região, mas havia se ausentado. Então, na manhã de hoje, nossa equipe foi até a cidade indicada e efetuamos a prisão de Nilton, que foi condenado a quatro anos e um mês de reclusão", finalizou Cledson.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 82 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal