Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

05/12/2007 - Agência Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Furtos e fraudes são responsáveis por perda de 5% da energia produzida no país

Por: Alana Gandra


Rio de Janeiro - O índice de perdas por furto ou fraude registrado pelas distribuidoras de energia elétrica alcança 5% de toda a energia produzida no país, revelou hoje (4) a Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee).

Segundo o assessor da presidência da entidade, Pedro Eugênio Pereira, esses 5% representam cerca de 21 mil dos 422 mil gigawatts-hora (GWh) de energia produzidos no país no ano passado.

Somadas às perdas naturais nas linhas de transmissão, subestações e redes de distribuição, que atingem 12%, a perda geral no Brasil é de 17%. “De cada 100 quilowatts-hora (KWh) que sai das usinas, conseguimos faturar 83%”, salientou Pereira.

De acordo com a Abradee, a média de furto e fraude na rede elétrica, também chamada de perda comercial, é de 13%, quase três vezes acima da média nacional. Outros estados com índices elevados de perda comercial são Espírito Santo, Pernambuco, Paraíba, Pará e Rondônia.

Em 2005, de acordo com levantamento da Abradee, o menor índice de perda comercial foi encontrado no Paraná (1,3%), seguido por Minas Gerais (1,6%). Os piores foram apurados no Maranhão e Rondônia (21,2% cada).

As 49 distribuidoras associadas à Abradee atendem a 99% do mercado nacional de energia elétrica.

Além das perdas, as distribuidoras registram índice de inadimplência de 2,5%, cinco vezes mais que o admitido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). De acordo com a Abradee, a inadimplência corresponde a cerca de R$ 2,3 bilhões dos R$ 90 bilhões do faturamento anual do setor.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 265 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal