Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

22/11/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Preso em flagrante por estelionato tenta subornar policiais no RJ

Homem foi detido nesta sexta-feira (22), em Piabetá, na Baixada. Ele ofereceu carro e R$ 5 mil aos policiais, segundo a PM.

Um homem que se identificou como Rogério Oliveira Ferreira foi detido em flagrante na tarde desta sexta-feira (22) em Piabetá, bairro de Magé, na Baixada Fluminense, por uso falso de documentos e corrupção ativa, depois de tentar subordinar policiais da 66ª DP (Piabetá), segundo PMs.

O suspeito de estelionato tentava fazer uma autorização de crédito em um shopping no Centro da cidade quando foi abordado pelos policiais. Segundo o delegado Antônio Silvino Teixeira, o suspeito tentou subornar os policiais oferecendo um carro e R$ 5 mil.

Por volta das 16h, a Polícia tentava confirmar qual dos nomes usados pelo suspeito era de fato sua identidade verdadeira, e constataram durante a noite que ele é Rogério Oliveira Ferreira. De acordo com o delegado, “o homem chegou a realizar compras com os nomes falsos, e algumas de suas identidades já tinham passagem pela polícia".

Nesta sexta, Rogério tentava fazer a autorização de crédito assinando como Jorge Ferreira Mafra. Entre os outros nomes falsos utilizados estão Eduardo Montenegro do Valle, Fábio Accioly Zogaib, Ronaldo Gomes Castelo Branco e Ricardo Sodré Aguir. Segundo o delegado, a pena para uso de nomes falsos é de 2 a 6 anos de prisão, de acordo com o delegado. A pena para corrupção ativa vai de 1 a 12 anos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 87 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal