Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

21/11/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Grupo suspeito de roubar carros e falsificar documentos é preso no DF

Por: Isabella Formiga

Líder é provavelmente maior falsificador de CNH do DF, diz polícia. Nove foram presos nesta quinta; outros cinco já haviam sido detidos.

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (21) 9 pessoas suspeitas de pertencer a um grupo especializado em roubo e furto de carros e falsificação de documentos e sinais identificadores de veículos.

Outros cinco membros do grupo, responsáveis por executar os furtos e roubos já haviam sido presos. "A gente optou por tirar de circulação primeiro as pessoas que executavam os roubos", disse o delegado da Delegacia de Roubos e Furtos de Veiculos (DRFV), José Eduardo Galvão.

As prisões desta quinta aconteceram em Ceilândia, Taguatinga, Vicente Pires, Luziânia, Cidade Ocidental e Valparaíso. Segundo o delegado, os criminosos eram investigados há 11 meses.

Cada membro tinha uma função bem definida. Galvão disse que o líder do grupo é possivelmente o maior falsificador de documentos e carteiras de motoristas do DF. Ele comprava os carros roubados, solicitava informações junto ao Detran e repassava a falsificação de placas e sinalizadores. Depois, ele mesmo produzia documentos falsos em casa e passava para um membro do grupo revender.

Entre os integrantes haviam despachantes e pessoas ligadas a despachantes. Eles obtinham dados dos veículos no Detran para repassar aos restante do grupo. As informações eram usadas para clonar os veículos e fabricar documentos falsos.

Um dos suspeitos era responsável por obter informações dos veículos junto ao Detran. Ele trabalhava com a confecção de placas e era quem falsificava esse item. Outro membro fazia a adulteração dos sinais identificadores dos veículos como chassi, vidro e motor.

O líder da quadrilha evitava deixar os carros em sua própria casa e pagava R$ 50 a vizinhos para usar a garagem deles. Ele se apresentava com nomes falsos, segundo a polícia.

De acordo com o delegado, o executor roubava o carro e oferecia para o líder, que acionava o restante do grupo. Um dos membros fazia consultas periódicas ao Detran e passava dados como o chassi, documento e até número do motor de carros semelhantes.

Com essas informações, os demais integrantes falsificavam placas e outros sinais identificadores dos veículos. Quando o carro estava pronto, ele era repassado a um vendedor.

Segundo o delegado, as pessoas que compravam os carros os adquiriam a baixos preços por acreditarem estar comprando um "ágio". Elas não desconfiavam porque o carro tinha documento de 2013.

Uma mulher também foi presa. Ela é companheira do líder. O grupo usava a conta bancária dela para receber o dinheiro pelos veículos. Um bombeiro também integrava o bando. Ele havia sido preso com carro clonado pela própria quadrilha.

Na casa do líder foram encontrados documentos falsificados ou furtados de veículos do DF, Goiás e Tocantins. Os papéis também eram comercializados por R$ 300 a R$ 400. A polícia recuperou 13 carros clonados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 114 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal