Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

01/12/2007 - Gazeta Web Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Concurso: MP constata falsificação de documentos

Por: Fernando Vinícius


Mary Grace Nobre Cavalcante nunca estudou para ser professora, mas apresentou documento falso que lhe permitiu ingressar em curso de nível superior – Pedagogia – para obter o diploma na profissão que jamais exerceu. A constatação do crime com pena estipulada de dois a seis anos é resultado da investigação feita pelo promotor de Justiça da comarca de Olho d’Água das Flores, Luiz Tenório, após queixa apresentada no dia 24 de outubro, pela professora Joelma Abreu da Silva.

A denunciante procurou o Ministério Público Estadual (MPE) por não ter sido classificada no concurso promovido pela Universidade Aberta do Brasil (UAB), programa do governo federal que objetiva qualificar quem ainda não tem licenciatura plena, requisito indispensável para lecionar no ensino fundamental e médio. A exigência consta na Lei de Diretrizes e Bases (LDB), ordenação jurídica que regulamenta a educação no Brasil. Em Alagoas, o programa da UAB é coordenado pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal).

Joelma Abreu da Silva foi aprovada no vestibular para o curso de Pedagogia à distância, que acontece em Olho d’Água das Flores. Desclassificada por causa da pontuação obtida no concurso, soube que uma das vagas que poderia ser sua era ocupada por alguém que sequer cursou o magistério. Ela informou o caso ao promotor Luiz Tenório, que convocou quatro pessoas suspeitas de não estarem aptas ao curso.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 358 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal