Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

30/09/2013 - Revista Sábado / Correio da Manhã Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Países europeus entre os menos corruptos

Uma empresa de análise de risco financeiro publicou a lista dos países mais corruptos do mundo. África lidera.

"África volta a ocupar o topo da corrupção mundial" é assim que a 'Maplecroft Global Risk Analytics' anuncia a lista mundial dos países com maior nível de corrupção. O estudo foi realizado com a ajuda de instituições académicas internacionais e especialistas em cada matéria económica.Segundo o relatório, o continente africano conta com seis dos dez países mais corruptos do mundo. A República Democrática do Congo lidera a lista seguida da Somália e da Birmânia. Sudão, Zimbabué, Guiné Equatorial e Guiné Bissau ocupam são os países que se seguem na tabela. Para terminar o top 10 da lista está a Coreia do Norte, Camboja e Venezuela.Nenhum país europeu se encontra no nível extremo de corrupção, mas os que se encontram com o nível mais alto são a Grécia, Turquia e alguns países de leste.O estudo foi realizado em 197 países e teve em conta fatores dos setores público e privado e as politicas usadas pelos governos para obter os resultados finais. De acordo com o estudo, só em África todos os anos desaparecem, em média, mais de 50 mil milhões de dólares, o equivalente a 37 mil milhões de euros, em lavagem de dinheiro. Este montante corresponde ao dobro do valor da ajuda internacional disponibiliza a estes países. (V.F.)

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 90 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal