Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

27/09/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia descobre fraude e recolhe 490 cartões do 'Todos com a Nota' em PE

Investigação aponta que idosa comandava esquema fraudulento, no Recife. Quadrilha envolvia até funcionários de postos do programa estadual.

A partir da prisão de uma mulher de 66 anos com 490 cartões do programa "Todos com a Nota", a polícia desarticulou um esquema fraudulento, que envolvia até funcionários de postos de troca da campanha. A investigação aponta que a idosa usava o neto de 13 anos para criar identidades falsas e, com esses documentos, carregar os cartões após a troca de notas fiscais. O flagrante foi realizado na quinta passada (26) e as informações foram repassadas à imprensa nesta sexta (27). O caso foi divulgado pela Delegacia de Polícia e Repressão à Intolerância Esportiva.

De acordo com o delegado Carlos Onofre, para solicitar um cartão no site do programa, a suspeita usava RG e CPF de uma pessoa aleatória. Ela inseria o endereço dela no cadastro e o cartão era entregue na casa onde mora, na comunidade do Coque, Ilha Joana Bezerra, área central do Recife. "O neto, que tem habilidade em informática, escaneava a identidade dela e fazia uma montagem com as informações do cartão e finalizava com uma foto da internet", explicou.

Pelas regras do "Todos com a Nota", o cidadão troca notas fiscais por pontos no cartão. Segundo Onofre, a idosa contratava atravessadores para ir aos postos com o cartão e o RG falso, além da senha disponibilizada pelo site. "Na primeira troca, o atravessador já 'comprava' o funcionário, que acabava virando aliado do esquema e facilitava as próximas recargas. Ela pegava notas fiscais no comércio ou comprava de outros criminosos", afirmou.

A cada R$ 100 em notas fiscais, o cidadão ganha um ponto no cartão, até acumular a quantidade necessária para comprar o ingresso de um evento cadastrado no programa. "A mulher ganhava dinheiro alugando o cartão a terceiros por R$ 10. Nós chegamos até ela após denúncia de um dos atravessadores", revelou o delegado.

Onofre disse ainda que apenas a idosa foi presa em flagrante por ter sido encontrada com cartões e o computador usado na falsificação de documento, mas pelo menos outras seis pessoas foram identificadas como participantes da quadrilha. "Não podemos dizer nomes nem postos onde trabalham para não atrapalhar as investigações", complementou.

A suspeita foi autuada por falsificação de documentos públicos, uso de documento falso e corrupção de menores. Ela foi levada para a Colônia Penal Feminina, no Recife. As outras seis pessoas ainda serão indiciadas pela fraude. Já o neto da investigada vai responder a um ato infracional, que ainda será feito pelo Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA).

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 85 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal