Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

03/10/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Rodovia em RO será restaurada após Ministério Público cobrar serviço

BR-425, que liga Porto Velho a Guajará-Mirim, será revitalizada. Ordem de serviço foi assinada nesta quinta, 3, em Nova Mamoré.

Após o Ministério Público Federal (MPF) em Rondônia cobrar urgência nas obras para recuperar BR-425 - que liga Porto Velho aos municípios de Nova Mamoré e Guajará-Mirim, em Rondônia - a rodovia federal será restaurada nos próximos dias. A solenidade para a assinatura da ordem de serviço ocorreu na manhã desta quinta-feira (3), na praça central, em Nova Mamoré.

Uma comitiva formada pelo diretor executivo do Departamento Nacional de Infraestrutra de Transportes (Dnit), Tarcísio Gomes de Freitas, parlamentares e assessores foi ao município de Guajará-Mirim, distante cerca de 330 quilômetros de Porto Velho, para verificar a real situação da rodovia.

Serão investidos R$ 130 milhões com recursos provenientes do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal. Nesta primeira etapa, cerca de 60 quilômetros devem ser recuperados ainda neste ano.

A revitalização de uma das principais vias de escoamento do comércio na fronteira do Brasil e Bolívia era reivindicada pelo moradores e representantes de associações comerciais e prefeituras de Nova Mamoré e Guajará Mirim.

O Dnit havia prometido começar as obras em abril deste ano. Segundo o órgão, desde quando foi construída, há mais de 30 anos, a rodovia não recebeu nenhuma reforma em toda sua extensão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 110 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal