Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

03/10/2013 - Jornal Cruzeiro do Sul Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatários são flagrados pela Polícia Militar


Uma dupla de estelionatários foi presa ontem com vários documentos e cartões de crédito falsos, no bairro Wanel Ville. Os dois bandidos foram flagrados quando tentavam aplicar um golpe em uma empresa que fornece concreto usinado para construções. O fato curioso e que facilitou a prisão dos elementos, foi que um dos criminosos já havia lesado a mesma empresa há aproximadamente um ano. Na época, ele conseguiu comprar mais de R$ 30 mil de concreto utilizando documentos falsos, informou um funcionário da empresa.

Como dizem na gíria policial, a "casa começou a cair" para a dupla, quando L.B.L., que tem passagem pela polícia por estelionato e era procurado da Justiça, tentou realizar uma compra na empresa utilizando documentos e um cartão de crédito falsos. Um funcionário, que trabalha na empresa na época do primeiro golpe, reconheceu o estelionatário e acionou a segurança. O funcionário foi orientado a realizar o cadastro do falso cliente e promover a venda do concreto. Em seguida, foi liberada a ordem de entrega do material para uma obra na rua Luiz César Domingues Morais, no Wanel Ville.

O caminhão foi acompanhado pela equipe de segurança da empresa e pela Polícia Militar. Chegando ao local, L.B.L. e um comparsa, identificado como H.F.R., que também tem passagem na polícia por roubo, foram flagrados com 26 folhas de cheques roubados, quinze cartões de crédito, cinco documentos de identidade, um cartão de benefício do INSS, cinco registros falsos de terrenos e cinco celulares.

De acordo com os policiais que participaram da operação, o cartão do INSS era utilizado por L.B.L. para receber R$ 900 em benefícios do governo e também para obter empréstimos bancários a juros menores. Já as documentações de terrenos eram dadas como garantia em compras de maior valor. Os cartões de crédito era usados para aplicar golpes no comércio local.

"Não é possível estimar o valor dos golpes aplicados pela dupla neste momento. Esse é trabalho que passa a ser realizado pela polícia civil", explicaram os policiais ao encaminharem os esteleonatários à Delegacia de Polícia Sul para o registro do flagrante.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 210 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal