Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

22/09/2013 - JB Online / ANSA Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-secretário-geral do Partido Comunista chinês é condenado à prisão perpétua


A justiça da China condenou Bo Xilai à prisão perpétua. O ex-secretário-geral do Partido Comunista chinês recebeu a sentença por corrupção, peculato e abuso de poder. Além disso, ele foi privado de seus direitos políticos pelo resto da vida.

Bo Xilai era uma figura ascendente no partido até 2011. Porém, viu seu mundo começar a desmoronar em novembro daquele ano, quando o empresário britânico Neil Heywood foi assassinado em um hotel de Chongqinq, cidadã da qual Xilai era prefeito. Em fevereiro de 2012, Wag Lijum, então chefe de polícia da cidade, denunciou que a esposa de Xilai, Gu Kailai, mandara matar o executivo britânico e ainda relatou crimes do casal.

Assim, em março de 2012, Bo Xilai foi destituído do cargo de prefeito de Chongqinq e expulso do Partido Comunista Chinês. Em julho do ano seguinte, foi aberto um processo contra Bo Xilai, no qual ele era acusado de corrupção, peculato e abuso de poder. Sua condenação neste domingo é parte de um contexto de recrudescimento do combate à corrupção adotada pela China. Ele tem dez dias para recorrer.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 104 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal