Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

23/08/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cerca de 5 mil beneficiários do INSS exercem atividade remunerada em AL

Segundo Ministério Público, 225 benefícios foram cancelados em 2013. Investigações serão realizadas para acabar com casos de fraude.

Cerca de cinco mil alagoanos recebem benefício previdenciário e mantém atividade remunerada em Alagoas. Em entrevista ao Bom Dia Alagoas na manhã desta sexta-feira (23), o procurador de Justiça Luiz Barbosa Carnaúba, que representa o Ministério Público no recém-criado Núcleo Especial de Combate às Fraudes Contra a Previdência Estadual (NEFP), apresentou dados sobre o quadro.

Carnaúba explicou que já existem ações para combater as fraudes contra a previdência, cujo prejuízo soma R$ 2 milhões por ano, mas com a existência do núcleo o trabalho será reforçado. Segundo ele, só em 2013 foram cancelados 225 benefícios, entre aposentadorias e pensões, que estavam sendo recebidas indevidamente.

As ações serão feitas através de uma cooperação mútua entre o Ministério Público Estadual, a Secretaria de Estado da Defesa Social - por meio das Polícias Civil e Militar - e o AL Previdência. “O trabalho integrado com diversos órgãos públicos será muito importante para acabar de vez com a fraude à previdência. Para isso, será feita a quebra de sigilo bancário dessas pessoas, e vamos recorrer a cartórios de serviços de órgão, entre outras ações”, disse o procurador.

Ele informou que aqueles que estiverem com suspeita de irregularidade com a previdência serão chamados e submetidos a uma perícia. “Cada caso tem que ser avaliado separadamente. Não e fácil, mas acredito que com boa vontade e ação integrada vamos chegar lá”, destacou.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 82 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal