Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

30/08/2013 - Jornal Cruzeiro do Sul Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Trio dava dados falsos para locar equipamentos


Locava equipamentos para obras e também para festas em nome de terceiros, e depois desaparecia com todo o material. Era esse o esquema da quadrilha formada por Wellingtom Silva Leite, 28 anos, Alexsandro Sales Silvestre e Fabrício de Oliveira, ambos com 23 anos de idade, presos em flagrante na sexta-feira passada. Nove casos de estelionato atribuídos ao trio já foram esclarecidos pelos policiais do 8º Distrito Policial. Mas a polícia acredita que possa haver um número ainda maior de vítimas e pede para que compareçam ao DP para oficiar as denúncias.

Conforme explicou a polícia, o trio locava materiais para obras, como andaimes, betoneiras, rompedores, compactadores, entre outros, dando como endereço para entrega obras abandonadas. Quando acabava o período da locação, a empresa fornecedora então não mais conseguia encontrar os equipamentos. Mas o excesso de confiança acabou por colocar fim à ação do bando. Os três acusados foram presos pela equipe de investigação do 8º DP numa obra inacabada do Jardim Europa, que eles usaram para receber os equipamentos.

Eles não contavam que os policiais civis já vinham investigando os vários casos, inclusive o da empresa com sede em Votorantim que havia cedido os equipamentos. Dos nove casos esclarecidos a partir da prisão do trio, dois deles aconteceram em Araçoiaba da Serra. Entre os demais de Sorocaba, consta um de aluguel de mesas e cadeiras para festa.

A equipe do 8º DP acredita que o número de vítimas seja ainda maior, tendo em vista que os casos já esclarecidos referem-se a um período de pouco mais de três meses. A destinação dada aos equipamentos subtraídos também não foi revelada pelos acusados, fazendo a polícia acreditar que fossem vendidos. Os três acusados, presos no Centro de Detenção Provisória (CDP), no bairro da Aparecidinha, contam com antecedentes criminais.
Wellingtom é o que tem maior número passagens criminais: roubo, formação de quadrilha, tráfico de drogas, tentativa de homicídio e várias por violência doméstica. Alexsandro Silvestre tem passagem por furto e era também procurado por furto, e Fabrício de Oliveira possui antecedente criminal por roubo.

Diante do perfil do grupo e dos inúmeros casos já esclarecidos, o delegado pede para que se alguém mais foi lesado pelo trio, para ir até o 8º Distrito e oficializar a denúncia, mesmo que até então não tenha feito boletim de ocorrência. O DP fica na avenida Ipanema, 2.840.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 147 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal