Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIFICAÇÃO DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 16/08/2018 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

30/08/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF-PE prende irlandês procurado pela Interpol por roubo e falsificação

Na Irlanda, ele tem 33 mandados de prisão por envolvimento com delitos. Ele morava em PE há cerca de 2 anos e dava aulas de inglês em escola.

A Polícia Federal em Pernambuco prendeu um irlandês de 45 anos procurado pela Interpol por praticar roubo, falsificação e uso de documentos falsos em Dublin. Ele tem contra si 33 mandados de prisão emitidos pelo Tribunal Distrital Metropolitano da capital irlandesa. O homem foi encontrado em uma loja no bairro de Candeias, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, na tarde de quinta-feira (29) e não resistiu à prisão.

De acordo com a Polícia Federal, o nome e a foto dele constavam no banco de dados da Interpol com um código vermelho, significando que ele era procurado para prisão. O homem já havia fixado residência no Brasil há cerca de dois anos, trabalhava como professor de inglês em uma instituição de ensino de língua estrangeira e tinha dado entrada no processo de residência permanente. Ele é casado com uma irlandesa e tem dois filhos nascidos no Brasil.

O estrangeiro foi levado para o Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife, onde ficará à disposição da Justiça e aguardará os procedimentos administrativos para sua deportação, que podem levar entre 30 e 45 dias.

Extradição

No Supremo Tribunal Federal, uma ação pede a extradição de Michael Lynn. O pedido foi feito pelo governo irlandês ao governo brasileiro, que enviou o caso para o Supremo definir se é caso de extradição. A decisão final sobre o envio do irlandês, porém, é do Executivo.

O ordem de prisão, efetuada pela Polícia Federal e pela Interpol, foi determinada pelo relator do processo de extradição no Supremo, ministro Marco Aurélio Mello, no dia 19 de agosto.

O G1 procurou o advogado Antenor Pereira Madruga, que pede a extradição de Lynn no Supremo, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 82 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal