Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FRAUDES NAS EMPRESAS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 26/04 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

06/09/2013 - Jornal Correio Várzea-Grandense Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Soldado da PM é expulso por crime de peculato


O comandante geral da Polícia Militar, coronel Nerci Adriano Denardi, determinou a expulsão do soldado da PM Wendell de Paula Metran, autuado em flagrante pelo crime de peculato pela Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública. O soldado fazia parte da Polícia Militar desde 2002.

Wendell foi surpreendido, em cumplicidade com o frentista do Posto de Gasolina Amazônia 11, João Paulo do Nascimento Lima, em um esquema de fraude no abastecimento de combustível.

O investigador de polícia na Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e contra Administração Pública, Pedro Paulo de Motta Mello, denunciou que no dia do crime, fazia vigilância no Posto Amazônia, quando Wendell chegou ao local conduzindo uma viatura, sendo atendido pelo comparsa João Paulo.

Ainda de acordo com Pedro Paulo, constava via on-line no sistema de abastecimento do Estado que a viatura havia sido abastecida com 50 litros de gasolina, no valor de R$ 133,50, quando na verdade o abastecimento foi de 22,7 litros de etanol, que custou R$ 38. Com a constatação da fraude, em ato contínuo, o investigador de polícia deu voz de prisão em flagrante pelo delito.

O frentista confessou que outras fraudes de abastecimento foram feitas no Posto Amazônia a pedido do soldado Wendell.

“O 1º Comando Regional 10º BPM deverá verificar se o acusado possui armamento de uso restrito, incitando-o a devolver, devendo encaminhá-lo à Corregedoria Geral, para fins de cancelamento do porte de arma de fogo nos termos do Art. 33, º1º do Decreto nº 5.123 de 01 de Julho de 2004, bem como a diretriz conjunta n.º 3, que foi aprovada pelo Decreto Estadual n.º 961 de 23 de janeiro de 2012. O 1º Comando Regional -10º BPM deverá recolher de imediato a carteira funcional do excluído e de seu(s) dependente(s), caso haja, devendo também recolher os fardamentos e apetrechos que pertençam a Fazenda Pública Estadual e que estejam sob a posse do Ex-Sd PM Wendell de Paula Metran, remetendo tais materiais ora para a Diretoria de Gestão de Pessoas (identidade) e ora para a Seção de Apoio Logístico e Patrimônio (material da Fazenda), tendo para tanto o prazo de 5 dias úteis, a partir da publicação deste ato em Diário Oficial, para a c. remessa ou informação de qualquer impossibilidade”, diz trecho da portaria.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 131 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal