Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

30/04/2006 - O Liberal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cartório alega que foi vítima de fraude


A titular do Cartório 'Bezerra Falcão', de Ananindeua, Raimunda das Graças Falcão Moraes Duarte, denuncia que o cartório foi enganado e usado por Francileni Cardoso Rodrigues, de 31 anos, para conseguir certidões fraudulentas e embarcar com as duas filhas menores, de 10 e 11 anos, para o Suriname, para fugir do pai, Paulo Roberto Gomes, 40, motorista. Depois que a Justiça deu a guarda das crianças ao pai, a mãe retornou ao Brasil.

No inicio de março deste ano, para conseguir que fossem expedidas as certidões de suas filhas, Francileni foi ao cartório e apresentou a mãe, a dona-de-casa Maria Madalena Cardoso Rodrigues, como a parteira responsável pelo nascimento das meninas, e o cunhado, José Brasiliano Costa Melo, casado com sua irmã, como o pai biológico da crianças. No cartório, José Brasiliano assinou todos os documentos como se realmente fosse o verdadeiro pai das meninas. A mãe, Francileni, também usou a desculpa das filhas terem nascido no interior do município de Abaeteuba e, por isso, na época, não teve chance de tirar os documentos para as filhas.

A dona do cartório esclarece que foram tomadas todas as precauções e obedecida a legislação para que as certidões de nascimento pudessem ser emitidas. 'O cartório não tem como duvidar da paternidade de alguém que se apresenta todo documentado, portando declaração de parteira, e com ela presente', declarou Raimunda Falcão, afirmando que Francileni e o 'falso pai' apresentaram os documentos exigidos pela Lei 6.015, de 1973.

Depois de ir para o Suriname e voltar a Belém, Francileni irá responder pelo crime de falsidade ideológica e outros crimes, junto com a mãe e o cunhado. Mas o cartório quer deixar bem claro que não teve e nem tem nenhum tipo de envolvimento na fraude cometida por Francileni.

Sobre as declarações feitas pelo pai biológico das crianças, de que o cartório foi usado para a fraude cometida pela ex-mulher dele, Raimunda Falcão garante que 'há mais de 100 anos o cartório Bezerra Falcão trabalha de maneira correta, com lisura, responsabilidade, respeito e honestidade, atendendo a todos que procuram e usam os nossos serviços em Ananindeua, sempre obedecendo à lei', afirmou.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 707 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal