Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

27/07/2013 - Epoch Times Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Universidades falsas se aproveitam de estudantes na China

Por: Annie Wu


Após a conclusão em junho do extremamente competitivo vestibular nacional na China, conhecido como “gaokao”, os mais de 9 milhões de candidatos já receberam suas pontuações na esperança de que seus resultados os admitirão nas melhores universidades e faculdades do país.

Para quem não teve um bom desempenho, no entanto, eles agora estão suscetíveis a fraudes por universidades criadas para extorquir dinheiro de matrícula.

Em 22 de julho, o site chinês Shang Daxue (“ir à universidade”) publicou uma lista de 50 universidades e faculdades falsas, após receber dicas de estudantes e pais que receberam telefonemas notificando-os sobre entrevistas de admissão ou que conheceram recrutadores que recomendavam escolas que não exigiam resultado de “gaokao” para admissão.

O Shang Daxue, um site que fornece recursos para ajudar estudantes a escolherem as escolas e o tipo de graduação, alertou que estudantes que tiveram baixos resultados ou falharam no exame de “gaokao” eram especialmente visados por estas universidades falsas, aproveitando-se de seus contextos.

As universidades falsas afirmam estarem localizadas em províncias como Shandong, Henan, Shanxi, Yunnan, Sichuan, Shaanxi e Liaoning. Universidades falsas com endereços em Pequim compunham a maioria da lista, totalizando 10. No site destas universidades, elas afirmam serem instituições credenciadas; muitas delas usam os números de licenciamento de escolas reais e indicam endereços inexistentes. Algumas, como a falsa Universidade de Economia e Direito de Pequim, listam os custos de mensalidades que estudantes recém-admitidos teriam de pagar.

Algumas também fornecem um portal pode-se verificar o diploma de um candidato pesquisando seu nome e número de certificado, o que sugeriria que algumas pessoas teriam se graduado nestas escolas falsas.

Semanas atrás, o Shang Daxue publicou uma lista similar de 100 universidades e faculdades fraudulentas que vendiam diplomas falsos. Esta última lista foi compilada após verificação com a lista de instituições credenciadas de ensino superior no Ministério da Educação, que estão autorizadas a matricular estudantes. A lista recente de 50 escolas não consta na relação do Ministério.

Muitas das universidades e faculdades falsas ainda têm websites ativos, com formulários de inscrição online disponíveis para estudantes interessados. Estes sites geralmente contêm informações detalhadas sobre os requisitos de admissão, a vida no campus, o currículo e corpo docente – repletos de fotos de alunos e da escola – mas o Shang Daxue descobriu que os dados eram retirados principalmente de sites de universidades credenciadas ou de escolas profissionais. Muitos sites de instituições fraudulentas tinham conteúdo similar por plagiarem a mesma fonte.

O Shang Daxue recomendou que pais e alunos evitem estas fraudes verificando os departamentos locais de educação para uma lista de instituições credenciadas e certificando-se de que os sites das escolas tenham “.edu.cn” em seu nome de domínio.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 111 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal