Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIFICAÇÃO DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 16/08/2018 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

13/07/2013 - Cenário MT Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia prende mais um suposto golpista que se passava por funcionário da Prefeitura de Cuiabá


A Polícia Militar prendeu há pouco um suspeito de se passar por fiscal da Prefeitura de Cuiabá para vender terrenos na região da Morada da Serra. Esse é o segundo homem preso nesta semana pela mesma acusação.

Wilson Costa Marques, 52, afirma que trabalhou na prefeitura por seis meses como contratado no setor de habitação. Com ele foram apreendidos o crachá da época além de documentos oficiais da prefeitura fraudados.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Prefeitura de Cuiabá, ele foi preso depois de denúncia de uma pessoa que disse ter pago R$ 2 mil de entrada em um terreno na região do Terra Nova.

Ele está sendo interrogado no Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) do Planalto e depois deverá ser indiciado por estelionato e responder ao processo em liberdade.

Na sexta-feira (6) passada, a Polícia Civil prendeu Magnum Martins de Aguiar, ex-funcionário da Prefeitura de Cuiabá que cobrava elo menos R$ 3 mil para entregar a chave de uma casa do programa Minha Casa Minha Vida, além de um depósito inicial de R$ 300,00.

Denúncias feitas na Secretaria Municipal de Cidades foram encaminhadas para a polícia, acusando Aguiar de aplicar uma série de golpes. Magnum se identificava como servidor municipal responsável por “agilizar” a entrega das chaves de residências ainda não ocupadas. Pelo menos seis pessoas teriam sido vítimas do golpe.

Esclarecimento

Em nota publicada no site da prefeitura, a administração municipal informa que não vende e nem doa casas do Programa Minha Casa Minha Vida, ou de qualquer outro programa habitacional. Cabe à Secretaria de Cidades somente fazer o cadastramento das famílias aptas a concorrer e passar para a Caixa Econômica Federal, que então faz a análise e concede o benefício.

“É importante o cidadão verificar os seus direitos. Muitas pessoas que acreditam em benefícios oferecidos por golpistas são candidatos que se enquadram nos programas habitacionais”, destacou o secretário municipal de Cidades, Suelme Evangelista, na ocasião.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 76 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal