Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

18/07/2013 - Expresso MT Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Prefeitura de Cuiabá demite dez servidores acusados pela Operação Impostor

Prefeito Mauro Mendes anunciou sua decisão em entrevista coletiva no Salão Nobre do Palácio Alencastro.

O prefeito Mauro Mendes decidiu nesta quarta-feira (17) pela demissão dos dez servidores que foram acusados de envolvimento na fraude tributária deflagrada pela Operação Impostor. Ele anunciou sua decisão em entrevista coletiva no Salão Nobre do Palácio Alencastro.

“Tive o cuidado de examinar o relatório final da comissão disciplinar e não restou dúvida quanto ao envolvimento dos acusados em crimes contra a administração. Pelo tempo em que eles estiveram atuando de forma sistemática e os crimes tipificados, decidi pela pena máxima, que é a demissão de todos”, explicou o prefeito.

Mauro Mendes contou que já assinou os atos de demissão para que sejam publicados imediatamente na Gazeta Municipal.

Os envolvidos responderam a um processo administrativo disciplinar de número 136/2012, que foi conduzido pela Corregedoria-Geral do Município.

O procurador-geral do Município, Rogério Gallo, destacou que os dez envolvidos tiveram garantida a ampla defesa, incluindo justificativas e presença de advogados durante o período de depoimentos.

Segundo ele, a investigação policial, conduzida pela Delegacia Fazendária, ainda está em curso e, portanto, em segredo de justiça. “Por isso ainda não temos o total dos danos causados ao erário municipal, que serão mensurados ao final do processo. Mas, assim que for concluído, a Procuradoria Fiscal entrará com ações judiciais para o devido ressarcimento aos cofres públicos”, afirmou Gallo.

Um relatório preliminar das investigações apontou danos na ordem de R$ 2,5 milhões, referentes ao Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Estes créditos, já detectados, estão sendo restabelecidos no sistema tributário.

O procurador-geral acredita que ao final do processo podem existir novos desdobramentos e a apuração de envolvimento de outros servidores, o que pode ensejar a abertura de novos processos administrativos disciplinares.

OPERAÇÃO IMPOSTOR

No final do ano passado, a Delegacia Fazendária detectou que 14 servidores estariam envolvidos em fraude no banco de dados do Sistema de Administração Tributária da prefeitura, especificamente no módulo financeiro do contribuinte, com a baixa de débitos sem a respectiva contrapartida do crédito nos cofres do município.

Durante a investigação foi descoberto que não era somente no IPTU que fraudes estavam sendo cometidas, mas também no ISSQN, na emissão de certidões e alvarás, ITBI, Habite-se e em dívidas com a Sanecap.

Em fevereiro de 2013, com base em parecer da Procuradoria Geral do Município, o prefeito Mauro Mendes determinou o afastamento preventivo de 10 servidores municipais suspeitos de envolvimento na fraude.

Na lista dos servidores afastados estão: Airson Pereira Ricardo, Alinor Candido da Silva, Cosme Ridoval Gonçalves Manso, Donatalina da Silva Botelho, Durval de Almeida Filho, Eufrásia Conceição dos Santos, Jumara de Jesus Correa, Gonçalino de Paula Nunes, Jose Simone de Oliveira e Mário César de Almeida.

Todos eram funcionários efetivos e estavam lotados nas Secretarias de Serviços Urbanos, Meio Ambiente e Assuntos Fundiários, Fazenda, Gestão e na Procuradoria Fiscal.

Em junho, os 10 servidores e 21 testemunhas prestaram depoimentos às comissões de processo disciplinar compostas para avaliar o caso.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 162 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal