Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FRAUDES NAS EMPRESAS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 26/04 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

12/07/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Idoso que dizia ter herança de R$ 160 milhões é preso por estelionato

Suspeito teria oferecido R$ 1 milhão em troca de empréstimos. Golpe era aplicado em idosos e aposentados, que cediam documentos.

Um idoso de 68 anos foi preso em flagrante por estelionato no munícipio de Herval d'Oeste na tarde de quinta-feira (11). Oneron dos Santos Lopes alegava ser herdeiro de R$ 160 milhões, e ofereceu R$ 1 milhão em troca dos empréstimos para um homem. Ele foi detido pela Polícia Civil após queixa da vítima.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima já havia entregue R$ 6,3 mil ao suspeito para pagamento de supostos honorários. “Enquanto a vítima estava na delegacia prestando queixa, o golpista ligou combinando o valor. Ficamos próximo ao local combinado e o abordamos”, diz Juliano Pedrini, investigador da Polícia Civil.

Aposentados e idosos eram as principais vítimas. “Ele vinha com uma conversa mole e convencia as pessoas. Quando iam procurar saber se tiveram o retorno prometido, descobriam que estavam pagando prestações de empréstimos que não haviam feito, pois forneciam documentos para o golpista”, afirma Pedrini.

Oneron foi preso em flagrante e enquadrado no artigo 171 do Código Penal por crime de estelionato e pode pegar de um a cinco anos de prisão. Segundo Pedrini, após reconhecerem o estelionatário em imagens divulgadas, mais vítimas procuraram a polícia para prestar queixa. Há possibilidade que ele tenha aplicado o golpe em outros lugares do estado.

Em depoimento à Polícia Civil, o suspeito alegou que estava pegando dinheiro emprestado e que iria devolver. O G1 tentou contato com o advogado de defesa, mas não obteve retorno até às 14h30 desta sexta-feira (12). O profissional foi escolhido pelo próprio idoso, pois já havia o defendido em outras situações, segundo a Polícia Civil.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 148 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal