Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIFICAÇÃO DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 16/08/2018 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

11/07/2013 - G1 / France Presse Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Advogado russo morto em 2009 é declarado culpado de fraude fiscal

Serguei Magnitski era funcionário de um fundo de investimentos ocidental. Dono do Hermitage Capital foi declarado culpado à revelia.

O advogado russo Serguei Magnitski, morto na prisão em 2009, que era funcionário do fundo de investimentos ocidental Hermitage Capital, foi declarado culpado de fraude fiscal nesta quinta-feira por um tribunal de Moscou.

O proprietário do fundo, o britânico William Browder, julgado à revelia por evasão fiscal, também foi declarado culpado e condenado a nove anos de prisão.

Browder foi considerado culpado de 'evasão fiscal em grande escala em grupo organizado' pelo tribunal Tverskoi.

O caso provocou fortes tensões entre Moscou e Washington.

A promotoria pediu nove anos de prisão para Browder. Tanto ele como Magnitski estavam representados na audiência por advogados fornecidos pelo governo.

Serguei Magnitski, um advogado que virou símbolo da luta contra a corrupção na Rússia, morreu em 2009 aos 37 anos em uma prisão de Moscou depois de ter denunciado uma fraude de 5,4 bilhões de rublos (130 milhões de euros), organizada segundo ele por policiais e funcionários da Fazenda.

De acordo com a Hermitage, ele foi detido e acusado pelas pessoas que ele havia denunciado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 213 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal