Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


AFD SUMMIT

A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

09/07/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpes de estelionatário preso no Sul de SC ultrapassam R$ 500 mil

Mais de 30 pessoas são vítimas do golpista que atuava na construção civil. Polícia Civil já prendeu o estelionatário, que aguarda por decisão judicial.

Um estelionatário deu golpes que somam mais de R$ 500 mil na região de Tubarão, no Sul de Santa Catarina. Cerca de 30 pessoas foram vítimas do golpista que atuava no ramo da construção civil na região de Tubarão, em municípios como Capivari de Baixo, Treze de Maio e Armazém.

Antônio Marciano, de 42 anos de idade, apelidado de 'Alemão da Lenha', aplicava golpes a partir da empresa de construção civil da qual era dono, a MC Madereira, onde afirmava que construiria os imóveis e não terminava a construção, muitas vezes nem começando a levantar a obra dos imóveis.

O delegado que investiga o caso afirma que o estelionatário realizava golpes desde 2011, e que as vítimas dos golpes continuam aparecendo, mesmo depois da prisão do suspeito. "Ele prometia construir uma casa e as pessoas davam uma entrada de 50% do valor, e ele não terminava a construção, muitas vezes nem começava. Depois que foi instalado o inquérito, que continha doze vítimas, outras vítimas foram aparecendo. Desde que ele foi preso semana passada, mais outras duas vítimas apareceram. Hoje já passam de trinta" relata o delegado da Delegacia de Polícia de Capivari de Baixo, José David Machado.

Além de não finalizar ou nem começar as obras, o estelionatário não devolvia o dinheiro aos lesados. Ao total, estima-se que os golpes somem em média R$ 500 mil. O estelionatário foi preso na segunda-feira (1), dentro da própria empresa a qual era dono, também localizada em Capivari de Baixo.

O criminoso aguarda por decisão judicial e está com prisão preventiva no Presídio Regional de Tubarão. Segundo informações, ele já era conhecido pela polícia da região, pois é autor de outros golpes. Machado pede que as vítimas se apresentem na Delegacia de Polícia de Capivari de Baixo, para que o procedimento adequado seja realizado. "A arma do estelionatário é a conversa. Acredito que outras vítimas continuarão aparecendo" conclui o delegado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 128 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal