Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

12/11/2007 - EPTV.com (Ribeirão Preto) Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

RP: 1.600 notas falsas foram apreendidas neste ano


Cerca de 1.600 notas falsas foram apreendidas neste ano em Ribeirão Preto e região. No ano passado, foram registradas as apreensões de 2.000 cédulas. Para evitar esse tipo de prejuízo, os comerciantes precisam estar atentos aos detalhes que diferenciam as notas.

No comércio da cidade, a maioria dos comerciantes, em algum momento, já deixaram de identificar uma nota falsa. Só neste ano, foram registradas 1.611 ocorrências pela Polícia Federal.

O balconista Kleiber Rubens, que trabalha em uma loja de autopeças, conta que só percebeu que a cédula poderia ser falsa depois que o cliente foi embora."Acabei deixando de reparar que a nota falsa não possui uma imagem de fundo nítida”, explica.

Em uma lotérica da cidade, várias notas suspeitas já passaram despercebidas. O proprietário marca as cédulas e as tira de circulação quando detecta diferenças na comparação com notas verdadeiras. “Todos os dias acontece de alguma pessoa chegar e tentar repassar a nota falsa. Na grande maioria dos casos, eles dizem que retiraram a nota no banco ou no caixa eletrônico”, diz Robinson Ferdinando.

O comerciante Alaor Partata já recebeu cédula falsa em suas três lojas de armarinhos. Ele diz que, atualmente, já consegue identificar alguns indícios de pessoas mal intencionadas.“Normalmente eles vêm até a loja para querer trocar, ou comprar poucas mercadorias”, diz.

A dona de uma padaria, Lucia Helena Jacob, para tentar se prevenir da fraude está usando uma caneta que identifica papel moeda. “Eu faço um risco na nota. Se ela for verdadeira, o risco vai ficar amarelo, caso contrário, ficará preto”, explica.

O delegado da Polícia Federal, Edson Geraldo de Souza, explica que equipamentos que ajudam a detectar falsificações não são 100% seguros. Segundo ele, o mais aconselhável é observar bem a aparência das cédulas.

As autênticas têm até 13 itens de segurança, e as falsificações não chegam a imitar nem cinco deles. Ele alerta também que a fita magnética e a marca d´água já são imitadas com perfeição, mas que há outros detalhes a serem observados."Outro item que os falsificadores ainda não reproduzem é o sinal para deficientes visuais. Se a pessoa reparar, quando a nota é verdadeira, na lateral há uma parte do papel que é em relevo”, explica.

Souza orienta o procedimento a ser tomado por quem receber uma cédula aparentemente falsificada. “A Polícia Federal mantém uma investigação, um banco de dados atualizado, para registrar e rastrear a origem da cédula”, afirma.

Outra opção para quem tiver dúvida, é o site do Banco Central, que detalha sobre os itens de segurança referentes a cada cédula.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 280 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal