Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FRAUDES NAS EMPRESAS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 26/04 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

10/06/2013 - cidadeverde.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Barras: polícia prende dupla acusada de aplicar golpes

Por: Carlos Lustosa Filho

Os golpistas ludibriavam as vítimas e estariam trocando os cartões de benefício.

As polícias Militar e Civil de Barras realizaram na manhã desta segunda-feira (10) uma operação que culminou com a prisão de duas pessoas e a apreensão de um adolescente acusados de enganar idosos e trabalhadores rurais na cidade. Os golpistas ludibriavam as vítimas e estariam trocando os cartões de benefício.

Segundo informações da 3ª Companhia do 15º BPM, uma das vítimas, foi a aposentada Inês da Silva Vaz, de 63 anos, natural de Nossa Senhora dos Remédios. Ela informou que os dois homens lhe ofereceram ajuda para sacar o dinheiro no caixa eletrônico e, após pegarem seu cartão e se dirigirem ao caixa, lhe disseram que não tinha sido possível efetuar o saque. Em seguida, lhe entregaram outro cartão e ficaram com o dela.

Ao perceber algo errado, a senhora chamou seu filho que foi atrás dos dois homens e com a ajuda de um policial civil de Teresina, que estava no banco no momento, e segurou os dois quando a polícia militar foi acionada.

Ao chegar ao local, a guarnição, composta pelos soldados Dilson, Lenilson Silva e Luis Ribeiro, conduziu Eurides Alves de Oliveira, 58 anos, natural de Carius (CE), e o filho dele, C. E. A. O., 17 anos, natural de Juazeiro do Norte (CE). Os militares ainda detiveram Nilton Alves da Rocha, 42 anos, natural de Amapuã (MS), que estaria dando suporte aos outros acusados.

O delegado da cidade de Barras, Humberto Mácola, explicou ao CidadeVerde.com que irá aprofundar as investigações para tentar confirmar o nome dos suspeitos. “Geralmente os estelionatários agem com identidades falsas. Então precisamos confirmar se estes documentos são verdadeiros”, pontua.

Mácola explica que há algum tempo a polícia da cidade estava investigando a ação de estelionatários em Barras. “Este tipo de criminosos não ficam muito tempo numa cidade só, nem se hospedam. Ficam um dia e partem para outro município. Os que estavam aqui eram pessoas bem vestidas que falavam bem e faziam as pessoas confundí-los pensando que eram funcionários do banco. Em seguida, pegavam o cartão das vítimas e trocavam. Eles escolhiam sempre as pessoas mais idosas e aquelas que aparentemente não tinham muito conhecimento de como operar os caixas eletrônicos”, pontua.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 119 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal