Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

07/06/2013 - Jornal de Negócios Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

MP acusa pessoa colectiva por crime de fraude fiscal qualificada num valor superior a 3,5 milhões de euros

Por: Jorge Garcia


O Ministério Público (MP) deduziu uma acusação contra a sociedade comercial de exploração de centros comerciais/hipermercados, pelo crime de fraude fiscal qualificada, no valor de 3.64 milhões de euros, segundo a página Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa.

De acordo com provas indiciárias recolhidas, a empresa acusada pelo MP terá, alegadamente, efectuado a aquisição de outra empresa de natureza idêntica à sua, tendo obtido documentação forjada para o efeito, em colaboração com funcionários da administração fiscal e assessores contabilísticos, com a finalidade de obter uma vantagem tributária indevida no valor de 3.639.715,55 de euros.

Segundo indícios recolhidos, este benefício foi obtido através da falsificação de uma certidão, em específico na data de entrada no serviço das finanças.

O MP requereu assim, uma acusação contra esta sociedade, em representação do Estado português, para o pagamento dos 3.639.715,55 de euros, com o acréscimos de juros compensatórios desde o dia 15 de Fevereiro de 2003.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 103 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal