Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

27/05/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Advogado é preso após tentar liberar carro com documento falso na PB

Carro está com a PRF e foi apreendido por problemas na documentação. Suspeito apresentou procuração e identidade do dono do carro falsificadas.

Um advogado foi preso na tarde desta segunda-feira (27) após tentar retirar um veículo utilizando documentos falsos na sede da Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com o delegado titular de Defraudações, Gustavo Carletto, o carro pertence ao filho do advogado e havia sido apreendido pela PRF na última sexta-feira (24) devido a problemas com a documentação.

“Os dados do proprietário do veículo contidos no documento não batiam com os dados do proprietário no sistema, como o CPF e o RG. Fato que nos levou a suspeitar da possibilidade do uso de uma documentação falsa para aquisição do carro. A partir daí detivemos o veículo e acionamos a Polícia Civil pra iniciar a investigação”, comentou o inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Anderson Poddis. A ação que resultou na prisão do advogado foi feita em conjunto pela Polícia Civil e PRF.

De acordo com Gustavo Carletto, o advogado foi até a sede da PRF com uma procuração falsa e a identidade do seu cliente, que esclareceria a inconsistência na documentação apresentada no dia da apreensão do carro, mas após uma verificação, ficou constatado que a identidade também era falsificada.

“O advogado tinha se apresentado na PRF como representante do dono do veículo, mostrou uma procuração falsa e uma identidade do cliente, que também havia sido falsificada. A polícia conseguiu constatar que na verdade o advogado era pai do dono do veículo, que foi comprado com uma documentação falsa”, explicou.

Ainda segundo Anderson Poddis, o advogado preso é ex-patrulheiro da PRF, expulso da corporação no ano de 1973. O advogado foi conduzido para delegacia de Defraudações, na Central de Polícia Civil, em João Pessoa, para prestar depoimento. O veículo continua retido no pátio da PRF. A polícia não soube informar os motivos que levaram o filho do advogado preso a comprar o veículo com documentação falsa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 133 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal