Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/11/2007 - A União Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Judiciária alerta consumidores para o "Golpe do Telefone"


A mais recente burla chama-se “Golpe do Telefone” e está a gerar polémica em todo o país. O alerta é lançado pela Polícia Judiciária que quer tornar público o mais recente embuste.
Segundo o documento a que o jornal “a União” teve acesso, o “Golpe do Telefone” é levado a caso através de contacto telefónico para casa, empresa ou telemóvel das vítimas “dizendo que é do Departamento Técnico da empresa telefónica local, ou da empresa que trabalha para a mesma”.
Depois, “perguntam se o telefone dispõe de marcação por «tons»”, explica nota informativa assinada pelo inspector Jorge Monteiro, da área técnica profissional do Instituto superior de Polícia Judiciária e Ciências Criminais.
A marcação de um telefone pode ser por impulsos (pulse), ou por tons (tone). Hoje em dia, todos os telemóveis dispõem da marcação por tons, o mesmo acontecendo com a maioria dos telefones fixos.
“Com o pretexto de que estão a testar o seu telefone, pedem-lhe para discar 90#. Uma vez executada esta operação, a pessoa informa que não há nenhum problema com o seu telefone, agradece a colaboração e desliga”, explica a Polícia Judiciária.

Clonagem da conta telefónica

Depois de premir as teclas solicitadas, adianta a mesma fonte, e terminado este procedimento, “você acaba de habilitar sua linha telefónica como receptora a quem lhe acabou de lhe telefonar; isto chama-se «CLONAGEM», ou seja, uma cópia fiel da sua linha telefónica”.
“Daí em diante, todas as ligações feitas por aquela pessoa que lhe telefonou inicialmente, serão debitadas na sua conta de telefone”.
O alerta da Polícia Judiciária chama a atenção que esta burla está a “ocorrer com telefones fixos e com telemóveis”.
“Nunca digite 90 # no seu telefone”.
“Até agora as companhias telefónicas não sabem como parar, detectar ou evitar esta fraude. Por isso, é importante que essa informação seja passada ao maior número possível de pessoas”, enfatizam.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 285 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal