Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

07/11/2007 - JC Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fique atento ao golpe do falso seqüestro

Por: Hildo Neto


O golpe das ligações falsas continua fazendo vítimas em Pernambuco. Apesar de já bastante popular, os telefonemas que anunciam um seqüestro ou um acidente inexistente para tentar extorquir dinheiro prosseguem acontecendo. "A gente recebe entre 15 e 20 denúncias mensais de pessoas que são enganadas pelos golpistas", conta o delegado Erivaldo Guerra, da Delegacia Policial de Repressão ao Estelionato (DPRE), no Recife.

Esses números poderiam ser maiores se todas as pessoas que recebessem este tipo de ligação fizessem a denúncia. Como no caso da jornalista Maria Alves, 40 anos, que não procurou a polícia. "Eles (bandidos) ligaram para mim de um número não identificado, a cobrar, dizendo que meu filho tinha sido seqüestrado. Quando percebi que era um golpe, desliguei. Como vou denunciar uma chamada não identificada?!", disse.

Uma promotora do consumidor do Ministério Público de Pernambuco, 50 anos, que pediu para ter a identidade preservada, recebeu um telefonema semelhante ao da jornalista, mas não teve a mesma sorte. "Não consegui falar com meu filho na hora que recebi a ligação falsa. Fiquei desesperada", afirmou. Os golpistas exigiram que ela depositasse R$ 5 mil e comprasse créditos de celular. "Já estava no banco quando consegui ter notícias do meu filho. Cheguei a depositar o dinheiro, mas consegui recuperar", revelou.

As características do golpe são quase sempre as mesmas. Os criminosos ligam para a vítima e tentam extorquir dinheiro dizendo que seqüestraram um parente ou que ele sofreu um acidente e está precisando de ajuda. Eles simulam gritos e pedidos de socorro para tornar a ligação "real". A vítima, pega de surpresa, fica nervosa e acaba revelando informações importantes aos bandidos. A partir daí, ele começa a aterrorizá-la.

As ligações são feitas, a qualquer hora do dia, de telefones públicos ou celulares e geralmente são a cobrar e não identificadas. O delegado de estelionato Erivaldo Guerra orienta as vítimas a desligar o telefone. "Quando receber uma ligação desconhecida, desligue imediatamente", disse. Segundo a polícia, os telefonemas partem dos presídios do Rio de Janeiro/RJ, São Paulo/SP e Fortaleza/CE. O delegado também informou que as ligações para anunciar um seqüestro verdadeiro são rápidos, pois os criminosos sabem que podem ser rastreados.


Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 303 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal