Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

26/04/2013 - iFronteira Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário que atuava em Dracena é preso no Mato Grosso do Sul

Por: Rogério Pires

Ele e suposto comparsa fugiram com R$ 8.760 de vítima da Alta Paulista. Homem foi preso em Dourados (MS).

Dois homens foram presos nessa quinta-feira (25), acusados de praticar estelionato em Dracena, Três Lagoas e Dourados (ambas no Mato Grosso do Sul). Segundo a Polícia Civil, eles tiravam dinheiro das pessoas com o chamado “golpe do paco”, em que uma falsa recompensa era oferecida às vítimas em troca de uma garantia.

No início deste mês, um morador de Dracena, de 29 anos, teve R$ 8.760 levados por um dos bandidos. Na ocasião, um deles viu que o homem fazia um saque e o aguardou para aplicar o golpe.

O golpe era aplicado por dois estelionatários. Segundo a Polícia Civil, “um dos golpistas esperava a pessoa sair da agência bancária e, propositalmente, deixava cair um pacote com dinheiro falso. Neste momento, a vítima avisava que o pacote estava no chão e o golpista oferecia uma recompensa a ela, mas pedia seus pertences e dinheiro como garantia”.

Enquanto isso, o outro bandido chegava ao local e dizia que também havia visto o dinheiro cair. Quando o comparsa oferecia a recompensa, ele prontamente atendia as exigências, de acordo com a Polícia.

Porém, a gratificação só seria entregue em outro endereço, posteriormente. Quando a vítima ia buscar o que tinha entregue ao golpista e ganhar a recompensa, descobria que o local indicado não existia.

Após as investigações, a polícia prendeu o auxiliar de eletrônica Ronaldo Faria de Franca, de 31 anos, morador de Colombo (PR), o qual foi reconhecido fotograficamente pela vítima de Dracena. Conforme a polícia, ele foi preso enquanto tentava praticar outro golpe em Dourados.

Com o golpista estava o comparsa Samuel Skoki, 37 anos, auxiliar de serviços gerais e morador de Tijuca do Sul (PR).

Porém, a polícia ainda suspeita que Ronaldo tenha outro comparsa em Dracena, por isso, as investigações continuam.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 95 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal