Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

25/04/2013 - Clic Folha Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Civil prende estelionatário em S. S. do Paraíso


Um homem de 30 anos foi preso pela Polícia Civil de São Sebastião do Paraíso no final da tarde desta terça-feira, dia 23. Ele estaria apresentando documentos falsos em um armazém de cafés de Itamogi para receber cargas que não foram entregues.

Vagner Donizete da Silva, de 30 anos, foi descoberto por funcionários do Armazém Cafés do Sul de Itamogi, após apresentar documentos falsos para receber supostas sacas de café que ele forjou ter entregado no estabelecimento.

Após perceber o engodo, a vítima entrou em contato com a delegacia especializada em falsificações de São Sebastião do Paraíso, que enviou policiais até o local.

De acordo com Vinicius Zamó, delegado responsável pela área, o golpista descobriu a simples forma adotada pela empresa para o pagamento de seus clientes e passou a falsificar o documento, que na verdade tratava-se de um pequeno pedaço de papel com a descrição do volume de sacas entregues no armazém. “Em uma ocasião o acusado entregou efetivamente cafés no armazém e lhe foi entregue o papel com o volume da carga para recebimento em sete dias. A partir daí, ele viu que o documento era de simples falsificação e passou a forjar outras notas como houvesse depositado sacas de café no armazém. Sem certificar se o autor realmente havia entregado as quantidades de café, o escritório da empresa efetuava os pagamentos sem desconfiar”, explica o delegado.

Após ser informado sobre a ação do estelionatário, o delegado de crimes de falsificações e defraldações montou campana com uma equipe de investigadores e prendeu o autor em flagrante na porta do armazém. Ele estava de posse de um cheque no valor de R$ 5.740,00. “Na realidade o pagamento seria feito no período da manhã e em dinheiro. Mas diante das suspeitas da vitima, nos orientamos que ela pedisse que o autor retornasse a tarde e que efetuasse o pagamento em cheque. Dessa forma, nós conseguimos surpreendê-lo com o recebimento ainda em mãos”, acrescenta Zamó.

Para o delegado, o golpe foi facilitado pelo descuido da empresa ao não adotar uma forma segura para o pagamento das sacas de café recebidas no armazém “A vítima adotou a teoria da confiança e acabou acreditando demais. Com isso, o acusado encontrou uma forma fácil de ganhar dinheiro”, diz.

O autor já vinha agindo no mesmo local há meses. O prejuízo ainda não foi contabilizado totalmente, mas a vítima estima que se aproxime de R$ 40 mil.

O autor reside no município de Altinópolis, cidade do interior paulista localizada próximo a fronteira entre Minas e São Paulo. Ele foi ouvido e conduzido ao presídio local. O crime é inafiançável e a pena varia entre um e cinco anos de reclusão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 82 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal