Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

13/04/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia apreende motores de embarcação falsos em Belém

16 motores tipo rabeta foram apreendidos na última sexta-feira,12. Segundo a polícia, produtos eram comercializados em uma loja da capital.

Uma equipe da Divisão de Investigações e Operações Especiais (Dioe) apreendeu 16 motores de embarcação falsificados na última sexta-feira (12), em Belém. Segundo a polícia, os motores, do tipo rabeta, eram comercializados em uma loja no bairro da Cidade Velha. O dono do estabelecimento foi preso em flagrante. O material apreendido ficará recolhido à disposição da Justiça.

Segundo a Polícia Civil, é a primeira vez que ocorre um flagrante de esquema de falsificação de motores para embarcações no Pará. Segundo o delegado Neyvaldo Silva, diretor da Dioe, o motor adquirido foi encaminhado para perícia no Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, que constatou as falsificações em laudo pericial.

Após a confirmação da falsificação, a equipe de policiais civis foi até a loja na rua Siqueira Mendes, onde os motores, que estavam expostos à venda, foram apreendidos. O comerciante que é dono da loja foi preso em flagrante e autuado pelos crimes de induzimento ao consumidor a erro e crime contra marcas e patentes. Ele ficará recolhido à disposição da Justiça na Dioe.

Os motores foram encontrados depois de clientes dos estados do Maranhão e do Pará reclamarem sobre a qualidade do produto e desconfiarem do preço estar cerca de 30% abaixo do mercado.

Conforme o delegado Neyvaldo Silva, ao todo, 200 motores falsificados, segundo o indiciado, teriam sido adquiridos direto da China. Apenas 16 foram encontrados. "Certamente os demais já foram comercializados e estão circulando na região ribeirinha", ressalta Silva.

De acordo com Silva, a falsificação dos motores é "bem feita" e dificilmente uma pessoa que não conheça os produtos irá identificar que os produtos são falsificados. Mas Neyvaldo aponta que há alguns detalhes que podem ajudar na identificação.

A primeira e mais importante diferença entre o motor original e o falso está no carburador. O motor original apresenta uma tampa em aço inox com componentes internos anticorrosivos e o falso tem todos os componentes do carburador em latão. Outro ponto de diferença entre os dois é a partida de retrátil do motor. No original, o acessório é feito é revestido com uma borracha e no falso não há revestimento de borracha e há o risco de o ribeirinho se ferir ao manuseá-lo.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 115 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal