Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

14/04/2013 - Expresso MT Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Acusado de vender CNHs falsas é preso em Várzea Grande (MT)

Programador cometeu várias fraudes, inclusive bancária, disse a polícia. Homem confessou que também era procurado pela polícia de Rondônia.

Um homem de 40 anos foi preso nesta sexta-feira (12) em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, por acusação de vender carteiras de habilitação falsas na Grande Cuiabá. Enquanto programador de computador, ele havia cometido várias fraudes junto com outros criminosos integrantes da quadrilha, de acordo com a Polícia Civil. Além das CNHs falsificadas, ele teria sacado R$ 32 mil em um banco por meio de empréstimo fraudulento em uma agência bancária.

Ele foi detido após investigação da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), ligado à Polícia Civil, a qual apontou que o programador seria autor de vários golpes aplicados em instituições bancárias e teria envolvimento com organizações criminosas de outros estados, inclusive São Paulo. Contra o acusado, já havia um mandado de prisão em aberto expedido pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco (AC) por falsificação de documento, estelionato e formação de quadrilha naquele estado.

Em depoimento à polícia, o homem confessou que também é procurado pela polícia de Rondônia por conta dos mesmos crimes. Há 10 anos, ele havia sido autuado em flagrante por usar documentos de terceiros para abrir contas bancárias. Na época, conseguiu sacar dinheiro a partir de fraudes. Ele já foi indiciado em vários inquéritos por estelionato, uso de documento falso, formação de quadrilha ou bando, falsa Identidade, falsificação de documento público entre outros crimes, cujos processos estão em fase de tramitação judicial.

Aps a prisão, o programador de computador foi encaminhado para a Penitenciária Central do Estado, no bairro Pascoal Ramos, em Cuiabá.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 119 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal