Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

11/04/2013 - Midiamax / EFE Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Jovem acusada de inventar câncer para comprar drogas diz que é inocente


Uma jovem de 21 anos disse ser inocente perante um tribunal de Long Island, ao leste de Nova York, após ser acusada de fraude por obter milhares de dólares para supostamente cobrir um tratamento contra um câncer inventado, quando na verdade queria conseguir dinheiro para comprar drogas, informou nesta quinta-feira à Agência Efe a promotoria.

Há dois anos, a acusada Brittany Ozarowsksi, começou a arrecadar dinheiro entre seus parentes, amigos e desconhecidos após inventar um diagnóstico de câncer nos ovários, estômago, ossos e cérebro e pediu ajuda para financiar seu tratamento médico.

A jovem, que tem 21 anos e problemas de dependência de heroína, inventou esta história para conseguir dinheiro para poder comprar a droga.

"Não havia nem quimioterapia, nem câncer, nem radiação. A única coisa que houve foi heroína e mais heroína", disse o promotor do condado de Suffolk, Thomas Spota, segundo citam alguns meios de imprensa locais.

Por isso, a jovem foi acusada de 24 delitos, incluindo roubo em grande escala, falsificação, fraude e furto.

Para arrecadar o dinheiro, criou um teste, organizou várias atividades como um baile beneficente e inclusive colocou vários potes com sua foto em uma cadeira de rodas em diversas empresas, onde ia periodicamente coletar os donativos.

"Nenhuma doação é grande demais e nem pequena demais, qualquer coisa já seria uma grande ajuda. Se de alguma maneira puderem doar algo ou ajudar com a arrecadação de fundos, agradeceríamos muito", é possível ler no site que leva o nome da jovem, onde ela mesma explica sua situação.

Até a família de Brittany caiu na fraude, pois a avó da jovem vendeu a casa onde morava, há alguns meses, para dar para a neta US$ 100 mil para cobrir os supostos tratamentos médicos que recebia.

Além disso, o pai da jovem destinou US$ 25 mil de suas economias para aposentadoria por causa da filha.

Segundo fontes da promotoria, o juiz fixou hoje em US$ 75 mil a fiança da jovem, mas a acusada não pagou dita quantia, por isso que está detida na prisão do condado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 97 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal