Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

02/04/2013 - Público.pt - Última Hora / Lusa Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Falsos comunicados: Governo nega ter sido alvo de ataque informático

Textos enviados a partir de emails oficiais têm origem na apropriação indevida dos endereços electrónicos.

Um endereço electrónico oficial da Secretaria de Estado da Cultura (SEC) e outro da Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte foram usados para enviar comunicados falsos. O Governo nega que tenha sido alvo de um ataque informático.

O secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Luís Marques Guedes, negou na segunda-feira que o Governo esteja sob ataque informático, esclarecendo que os comunicados falsos enviados a partir de emails oficiais têm origem na apropriação indevida dos endereços electrónicos.

Um endereço electrónico oficial do SEC foi usado na segunda-feira para distribuir um comunicado falso a dar conta da alocação de mais verbas para apoios às artes, e um endereço oficial da ARS do Norte foi utilizado para veicular um comunicado falso a dar conta da contratação de 600 enfermeiros.

Luís Marques Guedes esclareceu que a situação teve origem no recurso a um fake mail, um email falso que permite enviar correios como se estes tivessem origem em endereços válidos. O fake mail, adiantou, terá sido enviado a partir de um servidor alojado na República Checa.

De acordo com o secretário de Estado, a Polícia Judiciária vai ser posta ao corrente da situação durante esta terça-feira e “haverá provavelmente lugar à apresentação de uma queixa por apropriação indevida de endereço de email”.

Marques Guedes adiantou ainda que são de esperar ao longo do dia mais esclarecimentos sobre este assunto.

O documento enviado a partir do endereço eletrónico [email protected] dava conta de que a SEC ia disponibilizar, para a área cultural e artística, uma parte das verbas que o Orçamento do Estado tinha retirado das fundações.

“O Orçamento de [sic] Estado de 2013 que previa uma redução dos apoios financeiros a Fundações e Entidades para cerca de metade, ou seja, sensivelmente entre 150 a 200 milhões de euros, vai disponibilizar uma parcela dessa verba para ser agora aplicada no mesmo sector”, afirmava o documento enviado à Lusa e a outros órgãos de comunicação social.

Segundo o falso comunicado divulgado na segunda-feira, esta decisão resultava “da 7.ª avaliação do Fundo Monetário Internacional, decorrida nos últimos dois meses, e em concordância com a opinião emitida pelo governador do Banco de Portugal” e, nesse sentido, “o Estado Português" decidia então "reavaliar as verbas a serem aplicadas na área da cultura e da sua produção”, afirmava o documento.

No caso do email falso enviado em nome da ARS do Norte, o texto anunciava que que se encontrava “encerrado” o processo de contratação de 569 enfermeiros para exercerem funções nos cuidados de saúde primários na região.

Na sequência desse falso comunicado a entidade garante que não o emitiu, e afirmou que vai investigar se houve violação do seu sistema informático.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 163 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal