Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

22/03/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF investiga 'derrame' de dinheiro falso no comércio de Conquista

Comerciantes têm levado cédulas falsas de R$ 20, R$ 50 e R$ 100 à polícia. PF acredita que realização de feira agropecuária ajuda a atrair quadrilha.

A Polícia Federal investiga a circulação de notas falsas em larga escala na região do sudoeste da Bahia, especialmente em Vitória da Conquista e cidades vizinhas, informou nesta sexta-feira (22) o delegado Emerson Fonseca. Segundo ele, cédulas de R$ 20, R$ 50 e R$ 100 têm sido entregues à polícia por comerciantes que desconfiam de falsificação.

"Acreditamos que o ExpoConquista [feira agropecuária] atraiu uma quadrilha. O evento faz com que os comerciantes se reúnam e a cidade tem um 'boom' na circulação de dinheiro. A falsificação não é perceptível. Se fosse grosseira, a Polícia Federal não investigaria, só quando é de boa qualidade", explica.

A principal diferença observada é a textura das cédulas. O delegado federal aponta que a aspereza comum às notas originais não é encontrada na falsificadas. "Basta passar o dedo, é como se fosse papel [as falsas]. O papel-moeda é feito com a aspereza", detalha Emerson Fonseca. Notas falsas já saíram, inclusive, em caixas eletrônicos da agência bancária, diz a polícia.

Os suspeitos ainda não foram identificados. Segundo a polícia, o reconhecimento dos autores não tem sido fácil por falta de indicação por parte das vítimas. "Os comerciantes não têm câmera de filmagem, não se atentam para pegar o nome da pessoa ou a placa do veículo. Já entramos em contato com a Polícia Militar, porque está acontecendo muito. A população, uma vez que receba nota falsa, não pode repassar o dinheiro no comércio, porque vai praticar o mesmo crime e vai ser presa", informa.

A assessoria de imprensa da ExpoConquista afirmou que até o momento não houve notificação de circulação de cédulas falsas dentro do evento, que acontece na cidade até o domingo (24). Ao todo, a 47ª edição do ExpoConquista oferece 90 estandes de vendas de produtos do agropecupecuários, além de palestras e cursos relacionados ao setor. A expectativa dos organizadores é que cerca de R$ 100 milhões sejam angariados pelos expositores em negócios.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 111 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal